Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 23 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Violência sexual em acampamentos no Haiti virou “epidemia”

26 Mar 2011 - 05h20Por Agência Brasil
Uma “epidemia de violência sexual e impunidade”. Assim a responsável pela organização não governamental (ONG) Madre, Lisa Davis, classificou hoje (25) o aumento do número de agressões a crianças, jovens e adultas em acampamentos de vítimas do terremoto ocorrido no Haiti em janeiro de 2010. A estimativa é que houve 465 casos de agressões sexuais nesses locais em 2010. De janeiro a fevereiro deste ano, foram registadas 90 denúncias.

De acordo com a cofundadora da ONG Kofaviv, Eramithe Delva, as mulheres que são agredidas não recebem atendimento de profissionais de saúde. Além disso, acrescentou, elas não dispõem de banheiros reservados nos acampamentos.

 

Em consequência do terremoto, mais de 800 mil haitianos vivem em acampamentos. Em dezembro, as Nações Unidas apelaram às autoridades do Haiti para que tomassem providências no combate à violência sexual contra mulheres, jovens e crianças.

 

Porém, o governo haitiano nega que isso esteja ocorrendo nos acampamentos na escala denunciada pelas organizações não governamentais.. A ministra para a Condição Feminina e os Direitos das Mulheres do Haiti, Natacha Clerge, disse que “não houve aumento significativo das violações”. Segundo ela, o governo haitiano tomou medidas para melhorar as condições de vida nessas áreas.

 

As organizações de defesa dos direitos das mulheres convidaram uma delegação do Comitê Internacional dos Direitos Humanos para visitar o Haiti e verificar as denúncias sobre os casos de agressão sexual.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar
tratamento precoce prefeito curitiba 100 TRATAMENTO
"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19
A CASA CAIU
Mulher invade casa e flagra namorado fazendo sexo com outra; veja vídeo
LINHA DE FRENTE
'Ele lutou até o final', diz irmã de médico de 28 anos, após quase um mês morreu de Covid-19
SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro