Menu
SADER_FULL
domingo, 20 de junho de 2021
Busca
Brasil

VESTIBULAR: Medicina está entre os mais concorridos da UFGD

25 Nov 2009 - 15h15Por Fátima News, com Assessoria

 

 

 

 

Além da infraestrutura, faculdade avançou em número de docentes e no oferecimento de Mestrados, Residências Médicas e Multiprofissional em Saúde

 

 

 

O curso de Medicina desponta na lista dos cursos de graduação mais concorridos oferecidos pela Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD). Conforme a relação de candidatos por vaga do processo seletivo do ano passado, a concorrência ficou em 65 por 1, ou seja, de 65 candidatos para disputar uma vaga na Federal. Seguem a listagem também os cursos de Direito (15/1); Nutrição (11/1); Administração (10/1); Ciências Contábeis (9/1); Agronomia (9/1) e Educação Física (8/1).

 

O curso de Medicina é integral (matutino e vespertino), com duração de 6 anos e disponibiliza 50 vagas para os estudantes. A sua implantação ocorreu em 2000, anteriormente à criação da UFGD, vinculado à Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) e atendeu uma demanda da sociedade da Grande Dourados. Inicialmente, as aulas teóricas ocorriam no antigo Ceud e contava com o apoio da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) que cedeu na época os laboratórios do curso de Enfermagem.

 

Com a transformação do campus de Dourados da UFMS em UFGD, em 2005, o curso de Medicina passou a fazer parte da Faculdade de Ciências da Saúde (FCS) e recebeu investimentos do Governo Federal no intuito de melhorar o ensino e a pesquisa e principalmente a assistência aos pacientes. As salas de aula e a administração de prédio da FCS foram mobiliados e os laboratórios foram equipados para as aulas práticas. O número de professores efetivos aumentou consideravelmente e hoje soma 37 efetivos e 1 substituto.

 

Muitos alunos integram diversas Ligas Acadêmicas que contribuem para a melhoria da estrutura do curso, entre elas a da Hipertensão, de Emergência e Trauma, Geriatria, Diabetes, Terapia Intensiva e Oncologia. Em 2007, tiveram início os estágios supervisionados com a contratação de preceptores e o curso mais uma vez ganha em qualidade com a transferência da administração do Hospital Universitário (HU) para a UFGD.

 

Com objetivo de melhorar a qualificação dos futuros médicos, a UFGD conta hoje com um Mestrado Profissional realizado pela Fiocruz na cidade, com duas áreas de atuação: Mestrado em Vigilância em Saúde de Fronteira e Mestrado em Saúde da Mulher, Criança e Adolescente e já submeteu a proposta ao CAPES do Mestrado em Ciências da Saúde, que tem como objetivo facilitar o acesso à formação qualificada em nível de pós-graduação aos profissionais da área de saúde. Ambos os Mestrados estabelecem futuras colaborações entre os docentes que ministrarão os cursos e os da região Centro Oeste e do Paraguai.

 

E, a partir do ano que vem, o HU/UFGD oferecerá a Residência Multiprofisisonal em Saúde, com área de concentração em Atenção Cardiovascular e Saúde Indígena para nutricionistas, psicólogos e enfermeiros e ainda duas Residências Médicas já aprovadas pelo Ministério da Educação, uma em Clínica Médica e outra em Pediatria.

 

Em 2009, a Faculdade de Ciências da Saúde também começou a ofertar a primeira turma do curso de Nutrição no período noturno já dentro dos preceitos do REUNI e com perspectivas para iniciar novos cursos nos próximos três anos, dentre eles o de Farmácia.

 

E, para beneficiar não só os cursos de Medicina e Nutrição, mas todos da UFGD, mais de R$ 4 milhões do Ministério da Educação para a UFGD foram viabilizados via Senador Delcídio do Amaral para a implantação do Instituto de Biotecnologia que ficará ao lado do HU/UFGD. O local servirá para a realização de pesquisas e a capacitação dos profissionais de saúde da região.

 

“Além de aprimorar ainda mais o curso de Medicina e o HU, permitindo à instituição desenvolver pesquisas na área de saúde e criando as condições para o desenvolvimento da pós-graduação, o Instituto vai qualificar os profissionais da área de saúde beneficiando diretamente a população da região, inclusive com a realização de exames laboratoriais na própria cidade de Dourados”, enfatizou o reitor da UFGD, Damião Duque de Farias.

 

O curso de Medicina e de Nutrição são opções dos 27 cursos de graduação oferecidos pela UFGD no Vestibular 2010. As inscrições vão até o dia 18 de dezembro e as provas acontecem no dia 17 de janeiro. Mais informações pelo telefone: 67-3427-2587.

 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO NA MÚSICA
Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19 após ter os pulmões comprometidos
VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América
FAMOSIDADES
Apresentador mostra fotos de viagens românticas com filha de Faustão e se declara
SEIS DIAS DE TERROR
Homem mata uma família e aterroriza moradores em seis dias de fuga deixando rastros de crimes
TRISTEZA E COMOÇÃO
Jovem engenheiro morre em acidente com moto e comove cidade
MUI AMIGO
Homem obriga mulher de amigo a fazer sexo oral e leva surra em delegacia
DOENÇA DO SÉCULO
Homem de 33 anos deixa carta de despedida e tenta pular de ponte
ABSURDO
Família registra boletim de ocorrência após vitima de covid ser sepultado em cemitério errado