Menu
SADER_FULL
segunda, 19 de outubro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Vestibular aplicado na hora do jogo do Brasil tem 17% de abstenção

24 Jun 2010 - 18h22Por G1

A segunda prova do vestibular da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop), aplicada no domingo (20), durante o jogo do Brasil na Copa do Mundo, teve 17% de abstenção, o que significa a ausência de 4.658 candidatos dos 27.400 inscritos.

No primeiro dia de provas, no sábado (19), 12% dos candidatos não compareceram.

A assessoria de imprensa da Ufop afirmou que a média histórica de abstenção nos vestibulares da universidade fica entre 10% e 15%, mas, como houve recorde de inscritos neste processo seletivo, o aumento da abstenção era esperado. A universidade não atribui o índice ao jogo de futebol.

Vestibulandos ouvidos pelo G1 antes do exame afirmaram que a partida na hora da prova iria desconcentrar os candidatos.

A universidade disse também que a abstenção na segunda prova foi maior porque é possível que alguns candidatos tenham desistido do processo após conferir o gabarito do sábado.

Na primeira fase do vestibular da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) no dia 13 de junho, faltaram 7,8% dos 66.817 candidatos inscritos.

Calendário

Os classificados na primeira prova da Ufop terão seus nomes divulgados no dia 2 de julho. Apenas estes terão a segunda prova, feita no domingo, corrigida. Estudantes de artes cênicas classificados fazem a terceira etapa em 15, 16 e 17 de julho. A divulgação do resultado final ocorre em 23 de julho.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (31) 3559-1351.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL - 153.905 MORTES
Brasil registra 10,9 mil novos casos de covid-19 em 24 horas
AUXILIO EMERGENCIAL
Caixa paga hoje auxílio emergencial de R$ 300 a 1,6 milhão do Bolsa Família
BRASILEIRÃO
Com possível 'adeus' de Soteldo, Santos vence o Coritiba fora de casa
HORÁRIO DE VERÃO
HORÁRIO DE VERÃO: Brasil não terá horário de verão pelo segundo ano consecutivo
GOVERNO NA CONTRA-MÃO
Bolsonaro: Vacina contra a covid-19 não será obrigatória
BRASIL -152.460 MORTES
Covid-19: Brasil tem 713 óbitos e 28.523 novos casos em 24h
INSS - BLOQUEIO
INSS prorroga interrupção de bloqueio de benefícios
TRAGÉDIA
Bebê de 1 ano morre após ser mordido por cachorro Chow-chow
Coronel Fernanda diz que sobreviveu por obra de Deus SUSTO
Avião com candidata ao senado cai no interior de MT; veja vídeo
FAMOSIDADES
'Não tive outra escolha', diz Suita sobre separação de Gusttavo Lima