Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 21 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Vereadores suplentes assumem em Deodápolis

6 Dez 2005 - 10h30
Os suplentes de vereador Francisco Eusébio Oliveira (PDT), o Chiquinho da Copasul, e Aparecida José Martins do Nascimento (PSDB) assumiram ontem à noite, durante sessão ordinária, a Câmara Municipal de Deodápolis. A posse dos novos vereadores foi dada pelo presidente Ademilson Pereira de Moura, em cumprimento ao Regimento Interno da Câmara.
Cida Martins assume a cadeira de José Medeiros da Silva (PSDB), que deixa o Legislativo a convite do prefeito Manoel José Martins (PSDB), para assumir a Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, até então, sob a gerência do vice-prefeito Paulo Roberto de Oliveira Paz (PFL). Cida Martins, por sua vez, chegou a ocupar o cargo de secretária municipal de Saúde, nos primeiros meses da atual administração municipal. Zé Medeiros era líder do prefeito na Câmara, eleito com 184 votos, o quarto mais votado no município.
Já Chiquinho da Copasul, convocado pela presidência da Câmara, assume em lugar de Deodato Leonardo da Silva (PtdoB), cassado na sexta-feira, 2, após ter sido condenado por improbidade administrativa. A juíza Pauline Simões de Souza Arruda, da Comarca de Deodápolis, além da condenação, também determinou ao presidente da Câmara a cassação imediata do mandato de vereador de Deodato da Silva.
Considerado o criador do município de Deodápolis, Deodato ocupou o cargo de prefeito no período de 1997/2000. Eleito vereador em 2004, com a somatória de 176 votos, oitavo colocado, ele ocupava também o cargo de vice-presidente da Câmara Municipal.
Ao Diário MS, o presidente Dandão disse que a Câmara entra em recesso legislativo, a partir do dia 12, retornando somente em fevereiro de 2006. Enquanto isso, o cargo de vice-presidente permanece vago, devendo acontecer uma eleição no reinício das atividades. “Já estamos chegando ao final deste ano, portanto, estaremos elegendo o novo vice-presidente somente após o recesso”, esclarece ele. Quanto a Chiquinho da Copasul, segundo informações, embora tenha sido eleito pela coligação PDT/PTdoB/PMDB, que apoiou o candidato do PPS a prefeito, deve fazer da bancada de sustentação do prefeito Manoel José Martins (PSDB).
 
 
 
 
Fátima News / Cláudio Xavier

Leia Também

VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA
LIÇÕES DA BÍBLIA
Ele nos amou primeiro
AUXILIO EMERGENCIAL
Presidente está de acordo a prorrogação do auxílio emergencial
TRAGICO ACIDENTE
Menino de 9 anos morre enforcado com corda de balanço