Menu
SADER_FULL
terça, 2 de junho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Vera Baur recebe relatório anual de qualidade da água

15 Mar 2007 - 15h42
A prefeita de  Glória de Dourados, Vera Regina Dalcin Baur (PR), recebeu das mãos do responsável técnico  do Dmae (Departamento municipal de água e esgoto),  Biomédico/Analista Ambiental José Rinaldo Barreto Júnior, o relatório  referente o ano de 2006,  cumprindo todas as normas do  Decreto Federal nº 5.440/05, que estabelece definições e procedimentos sobre o controle de qualidade da água de sistemas de abastecimento e institui mecanismos e instrumentos para divulgação de informação ao consumidor sobre a qualidade da água para consumo humano e, em conformidade coma Portaria do Ministério da Saúde nº 518/04, que estabelece o padrão de potabilidade da Água. As  coletas de água foram  realizadas nas Unidade de Tratamento de Água de Glória de Dourados,  de Guassulândia, de
Novo Pinheiro, além dos pontos estratégicos  como Escolas, Maternidade, Comércio, Residências.
O biomédico José Rinaldo ressalta que, as coletas foram  distribuídas uniforme ao longo do período e representatividade do sistema, combinando critérios de abrangência espacial e pontos estratégicos, entendidos como aqueles próximos a grande circulação de pessoas que alberguem grupos populacionais de risco (hospitais, creches e asilos), e aqueles localizados em trechos vulneráveis do sistema de distribuição, como por exemplo, pontas de rede. Os parâmetros analizados foram;  Cor; Turbidez; pH;  Cloro Residual Livre (CLR); Flúor; Coliformes Totais/Fecais (Laboratório ALQMA). Ainda José Rinaldo, os resultados dos analises comprovam a ótima qualidade da água consumida em Glória de Dourados, no parametro cor foram analizadas 501 amostras com valor médio detectado de 0,01, quando o maximo é de 15 UH. Na Turbidez foram 501 amostras, valor detectado 0. no pH foram analisandas 387 amostras sendo detectados 7,36, quando o padrão da amostra é de 6,0 a 9,5. No CLR, foram realizadas também 501 amostras com valor médio detectado de 0,38. Flúor foram analisadas 404 amostras, detectado 0,64 sendo 0,6 a 0,8 o padrão da amostra. Nos parâmetros Coliformes Totais e Fecais foram analisadas 152 amostras de cada, com ausência de 100% desses coliformes. Analises da tabela 03 e 05 da Portaria 518 do Ministério da Saúde dos Grupo Inorgânicos, Grupo orgânicos, Grupo Agrotóxico, Grupo Cianotóxinas, Grupo Desinfetantes, Grupo Radioatividade, e Grupo Padrão de Aceitação.  Totalizando 2598 analises físico-quimicas e microbiológicas.  Finalizando José Rinaldo,   A  água que é fornecida à população precisa ser potável, ou seja, deve apresentar características físicas, químicas e microbiológicas adequadas ao consumo humano. Por isso, antes de chegar às torneiras, a água passa por Unidades de Tratamento (UTA’s), onde ocorre o tratamento da água bruta a fim de se eliminar todos os poluentes e agentes ameaçadores à saúde, garantindo que a água fornecida à população seja potável. Nas UTA’s, a água bruta passa por alguns processos. Os principais são: Desinfecção (cloro), e Fluoretação (flúor), todas essas etapas de tratamento e o uso de produtos químicos auxiliares servem para destruir microorganismos que podem causar doenças, retirar impurezas, controlar o aspecto e gosto, garantindo a qualidade da água fornecida à população. Na desinfecção, utiliza-se o cloro para destruir microorganismos causadores de doenças.  A fluoretação é efetuada para auxiliar na prevenção da cárie dentária e está prevista em lei.
Para atender todas as solicitações dos usuários em 2006,    o DMAE realizou  reparos e manutenções nas redes e ramais de distribuição, num total de 1.106 solicitações, sendo 282 reparos e manutenções de redes e 824 atendimento ao usuário. Ainda foram feitas 87 novas ligações de água. Hoje o DMAE possui  um total de 2.649 ligações de água ativa no município, das quais,  2.539 ligações de água na cidade de Glória de Dourados, 85 no Distrito de Guassulândia e 25 em  Novo Pinheiro.
A prefeita Vera Baur ressalta que, o tratamento efetuado    pelo DMAE,  na água fornecida aos usuários de Glória de Dourados, atende integralmente as exigências do  Ministério da Saúde, estando isenta de possíveis contaminações por meio dos parâmetros microbiológicos citados acima, são realizadas análises diárias, com intuito de monitorar e garantir a qualidade da    água fornecida. Finaliza Vera Baur.
 
 
 
Glória News

Deixe seu Comentário

Leia Também

AUXÍLIO EMERGENCIAL
Caixa LIBERA 2ª parcela do auxílio de R$ 600 em contas dos beneficiários, veja os meses
ABSURDO
Médica relata ter sofrido agressões por parte de frequentadores de 'festas de corona'
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Menino de 9 anos, acidentalmente mata irmã de 7 anos com espingarda
TRAGEDIA NA RODOVIA
Mulher gravida e marido morrem e criança fica ferida em acidente trágico
PANDEMIA CORONAVIROS
Vai ser ''um massacre'', diz ex-diretor da Saúde sobre flexibilizar isolamento
BOA NOTICIA
Bolsonaro diz que auxilio emergencial pode ter quarta parcela, mas pagando menos
PRAZO MÁXIMO
Acordo prevê máximo de 20 dias para análise de auxílio emergencial
FÁTIMA DO SUL - BOLETIM CORONAVÍRUS
BOLETIM: Fátima do Sul tem mais 04 casos confirmados, sobe para 69 e tem 12 pacientes recuperados
EPICENTRO DA COVID-19
Brasil aproxima de 30 mil mortes pela Covid-19
MEMORIAL
Os brasileiros que perderam a vida na Pandemia do Coronavírus