Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 16 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Vander se reúne com movimento sindical e líderes petistas

16 Mai 2011 - 09h16Por Fátima News com Assessoria
O deputado federal Vander Loubet (PT-MS) se reuniu na última sexta-feira (13) com líderanças do movimento sindical do Partido dos Trabalhadores. A reunião aconteceu na sede da Federaçãos dos Trabalhadores em Educação (Fetems) em Campo Grande e contou com a presença do presidente regional do PT, Marcus Garcia; do presidente municipal do PT, João Rocha; dos vereadores petistas Thais Helena e Alex; além de representantes do senador Delcídio do Amaral, do deputado federal Biffi, da Central Única dos Trabalhadores (CUT), da Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB) e de sindicatos de diversas categorias.
 
No centro da conversa esteve o projeto político do PT para as eleições municipais de 2012 na Capital. “O [ex-governador] Zeca pode ser uma opção da legenda na disputa pela prefeitura de Campo Grande no ano que vem. Mas isso depemde da estratégia do PMDB, nosso principal rival. Se o André [governador] resolver centrar as forças do partido dele num só nome e disputar uma eleição de primeiro turno, o Zeca será o candidato. Agora, se a disputa for pulverizada, com outras concorrências, temos mais nomes. Posso sim ser o candidato, além do Dagoberto [PDT] e o próprio Zeca”, explicou Vander.
 
A disposição de Vander em resolver logo a pré-candidatura do PT parece evidente porque, além de citar Zeca como opção da sigla, ele já dá dicas aos parceiros políticos de como o PT deve agir daqui em diante.
 
“Vamos promover alguns debates aqui em Campo Grande. Um deles: brigar por menos impostos e mais cidadania. Vamos discutir a indústria da multa, a tarifa do ônibus, o valor do IPTU, a cobrança do asfalto, a taxa se iluminação pública, entre outras questões”, afirmou o deputado.
 
Por sua vez, os movimentos sindicais foram unânimes ao externar a necessidade de uma maior aproximação com os mandatos políticos do PT na intenção de realizar ações em comum. Para o presidente da CUT-MS, Jefferson Borges Silveira, o momento é de articulação e união de forças visando o pleito eleitoral do ano que vem.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS
COM DESCONTOS
Veja as opções de pagamento do IPVA com desconto
CASA PRÓPRIA
Casa Verde e Amarela substitui Minha Casa Minha Vida com opção para renegociar dívidas e menos juros
FINALISTA LIBERTADORES
Santos atropela Boca Jr e terá o Palmeiras numa final Brasileira
TRAGÉDIA NA PONTE
Motorista morre após caminhão cair de ponte