Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 14 de maio de 2021
Busca
Brasil

Vander garante R$ 9,7 milhões para projetos de pescado da UFGD

4 Nov 2010 - 13h15Por Fátima News com assessoria

No final de outubro, o deputado federal Vander Loubet (PT-MS) participou de uma reunião com o reitor da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), professor Damião Duque de Farias, na qual garantiu, através de emenda parlamentar, R$ 9,7 milhões para quatro projetos estruturantes da rede do pescado, elaborados por pesquisadores da UFGD, que vão permitir que o peixe seja transformado em um bom negócio na região da Grande Dourados. Os recursos que deverão ser empenhados já no início de 2011. 

Na ocasião, participaram da reunião pesquisadores da universidade e representantes da Embrapa Agropecuária Oeste, do Ministério da Pesca e Aquicultura, do Ministério do Desenvolvimento Agrário, da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer), da Prefeitura de Dourados, da Cooperativa de Aquicultores (MS Peixe), além de organizadores da cadeia produtiva do pescado e articuladores do Território Cidadania.

A verba será usada na construção de três importantes estruturas na UFGD – o Centro de Piscicultura Experimental e Difusão de Tecnologia; o Centro de Tecnologia do Pescado e a Incubadora de Tecnologia de Cooperativas Populares – e uma na Embrapa, para o fortalecimento das atividades em piscicultura da instituição. O deputado Vander reafirmou o compromisso assumido pelo ministro da Pesca e Aquicultura, Altemir Gregolin, com a UFGD e a rede de pescado no início deste ano, de atender a cadeia produtiva do pescado pelo enorme potencial da região e pelos avanços com qualidade que se podem ter nos estudos e nas pesquisas desenvolvidas.

“Esse projeto está estruturado e a nossa ideia é investir em educação, ciência e tecnologia, principalmente no que diz respeito à logística de projetos. A região tem potencial e o primeiro passo estamos dando, que o é de garantir recursos para execução do projeto. É fundamental a sociedade perceber a contribuição da UFGD até na melhoria de renda dessa população”, destacou Vander.

Durante a reunião, o reitor Damião destacou que a garantia dos recursos é um passo importante na consolidação desse projeto. “De fato, essa será uma década importante para a educação, a ciência e a tecnologia. Estamos nos preparando para isso e trabalhando em projetos e na expansão de cursos articulados com projetos. Essa estrutura estará à disposição já em 2012. E esperamos apresentar os resultados à sociedade contribuindo com seu desenvolvimento”, afirmou o professor.

PROJETO DA UFGD

Com esses projetos, a UFGD pretende consolidar o desenvolvimento sustentável da pesca e da aquicultura no estado, integrar os pescadores de pequena escala à cadeia produtiva do pescado, fortalecer a indústria pesqueira e a agregação de valor ao pescado de MS, promover a incubação de empreendimentos de economia solidária do segmento da aquicultura familiar e da pesca profissional artesanal, desenvolver estudos socioeconômicos e ambientais para o desenvolvimento sustentável da pesca e aquicultura e apoiar processos de formação profissional e capacitação.

Diversos professores da universidade têm direcionando projetos de Ensino, Pesquisa e Extensão à piscicultura. Exemplo disso foi a aprovação, pelo Ministério da Educação (MEC), em junho de 2010, dos seguintes trabalhos de extensão universitária com ênfase na inclusão social: a) Capacitação e introdução tecnológica na cadeia da piscicultura na região de Dourados e Mundo Novo e b) Processamento e boas práticas de fabricação de produtos aplicados ao desenvolvimento sustentável do setor aquícola da Região Sul do Mato Grosso do Sul.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada