Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 20 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Valor da cesta básica cai em dezembro nas cidades de MS

5 Jan 2011 - 17h14Por

O custo da cesta básica alimentar em Campo Grande registrou queda de 1,20% em dezembro comparada ao mês anterior, de acordo com pesquisa divulgada hoje (5) pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente, do Planejamento, da Ciência e Tecnologia (Semac). O preço ao consumidor caiu de R$ 241,82, para R$ 238,93. Em Dourados a média de preço varia entre R$ 224,80 para R$ 216,43

Porém, apesar da queda, a cesta básica alimentar acumula aumentos. Nos últimos seis meses o preço subiu 5,35%. Durante os últimos 12 meses o aumento é ainda maior: 19,54%.

Dos 15 produtos que compõem a cesta básica, oito registraram queda no mês passado. Os destaques ficam com a batata, com redução de 14,29%, feijão, que caiu 6,82% e a carne, que contou com decréscimo de 3,33%. O sal registrou queda de 2,44%; o arroz, 2,31%; a laranja, 2,04% e o alface, 1,82%. O leite teve leve redução de 0,55%.

Já os produtos que acusaram alta de preço foram o açúcar cristal, com aumento de 8,68%, a banana, com 8,61% e o óleo, que teve alta de 7,75%. Também foram reajustados a margarina, com 4,25%, o macarrão, em 3,80%, o pão, em 3,36% e o tomate, que teve o preço acrescido em 2,56%.

Bons fatores climáticos elevaram a colheita da batata, que teve mais oferta no mercado e preço reduzido. O mesmo aconteceu com o feijão, que com o período de safra teve mais oferta e registrou 6,82% de redução do preço, de acordo com a Semac.

Já as usinas, que estão finalizando a moagem da cana-de-açúcar e entrando em férias coletivas, produziram menos açúcar. O resultado no bolso do consumidor é reflexo da menor oferta do produto que eleva suas cotações no mercado internacional aumentando seu preço também no mercado interno.

A pesquisa mensal da Semac constatou que em dezembro o trabalhador que recebe um salário mínimo de R$ 510 comprometeu 46,85% do seu salário em dezembro de 2010 para aquisição da cesta alimentar, restando R$ 271,07 para atender suas outras necessidades básicas como: água, energia, saúde, serviços pessoais, vestuários, lazer, entre outros.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério