Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 16 de outubro de 2021
Busca
Brasil

TSE tira 5 minutos da propaganda de Lula

20 Set 2006 - 14h12
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decretou a perda de 5 minutos e 24 segundos do tempo da propaganda eleitoral gratuita do presidente Lula, na modalidade bloco, devido à invasão no horário eleitoral do candidato ao governo da Bahia Jaques Wagner (PT), no dia 11 de setembro. A decisão foi do ministro Carlos Alberto Menezes Direito, em resposta à representação do candidato a governador da Bahia pelo PFL, Paulo Souto, contra a coligação A Força do Povo, de Lula, e a coligação estadual Bahia de Todos Nós, que apóia Wagner.

O ministro concordou que houve alusão a programas mantidos pelo governo federal no horário reservado à propaganda do candidato a governador. Segundo o ministro, "não há dúvida de que existe a propaganda invasiva, considerando que o contexto indica que está voltada para o candidato ao cargo executivo federal, o que se verifica com a indicação de programas que foram desenvolvidos". Ainda cabe recurso ao TSE.
 

 

Terra Redação

Leia Também

BRASIL VERDE
Governadores avançam na criação de consórcio em defesa do desenvolvimento sustentável
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
LIÇÕES DA BÍBLIA
Outras imagens
LIÇÕES DA BÍBLIA
Seu povo especial
REVOLTANTE
Vanessa, de 18 anos, é atropelada e morre após reagir a assédio
LIÇÕES DA BÍBLIA
O livro da aliança
PAVOROSO
Acumulador de lixo transforma rua de cidade modelo em paraíso das ratazanas
JOGOS MORTAIS
Escola envia carta aos pais alertando sobre a série 'round 6'
NAUFRÁGIO
Barco naufraga e duas pessoas desaparecem; buscas continuam nesta segunda (11)
FOTO: REDES SOCIAIS DESCARGA FATAL
Jovem morre ao desligar geladeira da tomada após queda de raio