Menu
SADER_FULL
terça, 13 de abril de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

TRE/MS mantém a candidatura do prefeito de Bonito

23 Set 2004 - 09h55

O TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) manteve, por quatro votos a um, a candidatura à reeleição do prefeito de Bonito, Geraldo Marques (PDT), e o fim da multa como determinava a juíza Luciana Buriasco de Oliveira Melo, da Comarca de Bonito. Conforme a assessoria do TRE/MS, votaram a favor do prefeito de Bonito os membros Renê Siufi, Carlos Marques, Geraldo Carvalho e Pedro Pereira dos Santos, enquanto contra votou apenas o juiz Dorival Moreira dos Santos, relator do processo.

Ontem René Siufi pediu vistas no julgamento e apresentou novos argumentos hoje, alegando que Geraldo Marques não tinha autorizado a referida matéria e também que o texto não traria nenhuma influência sobre o pleito já que ele nem era candidato na época. As duas cassações de registro decorreram de representações do MPE (Ministério Público Estadual) que ainda pode recorrer ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

EXEMPLAR
Cidade modelo que vacinou 64% da população vê casos de covid-19 caírem 78%.
NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições
MORTANDADE
Brasil bate marca de 4 mil mortes por Covid registradas em um dia pela 1ª vez
COPA LIBERTADORES
Santos vence o San Lorenzo na Argentina e abre vantagem por vaga nos grupos da Libertadores
FATALIDADE
Técnico de informática morre após levar choque a partir de fone de ouvido
CANALHA
Pai comete estupro e diz que filha precisa saber "como é ter um homem"
SOB INVESTIGAÇÃO
Cantor gospel e pastor é encontrado morto e amarrado em árvore
CONTAMINAÇÃO
Igrejas superam mercado e consultório médico em risco de transmissão de Covid-19, aponta estudo