Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 21 de setembro de 2021
Busca
Brasil

TRE/MS julga nesta tarde o recurso de Elias Ishy

17 Jan 2011 - 17h15Por Campo Grande News

O recurso do vereador Elias Ishy (PT), para continuar na disputa pela prefeitura de Dourados, será julgado nesta segunda-feira pelo TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral). Os julgamentos no tribunal começam às 17h.

Ishy teve o pedido de registro de candidato indeferido pelo juiz em substituição Eduardo Machado Rocha.

O candidato não foi escolhido em convenção. O PT decidiu apoiar a eleição de Murilo Zauith (DEM), inclusive com indicação da candidata a vice.

Além disso, o candidato a vice de Elias Ishy, Ricardo Demaman, não é filiado a nenhum partido político, segundo o magistrado.

No recurso, Ishy defende a tese de que o diretório regional desrespeitou uma resolução nacional do PT ao decidir apoiar um candidato do DEM. Ele pede a anulação da coligação com o DEM e o reconhecimento da candidatura da sua candidatura.

Além de Elias Ishy e Murilo Zauith, disputam a prefeitura de Dourados: o líder sindical Geraldo Salles (PSDC), o professor de matemática Genival Antônio Valeretto (PMN) e o cabeleireiro José de Araújo (PSOL).

A eleição será no dia 6 de fevereiro e o futuro prefeito administrará Dourados por dois anos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NEGLIGÊNCIA
Criança de 2 anos ao volante mata prima de 3 anos atropelada
CARROS SEMINOVOS
Como fazer uma boa escolha de veículos seminovos
LUTO NA TV
Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos, vítima de câncer
EM DECLINIO
Covid-19: Brasil registra 21,2 milhões de casos e 590,7 mil mortes
TSUNAMI NO BRASIL?
Brasil pode ser atingido por tsunami; entenda
SERPENTE
Rapaz de 18 anos é atacado por jararaca durante pescaria
TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche