Menu
SADER_FULL
domingo, 20 de setembro de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ZANZI
POLÍTICA

Trabalho de Moka é reconhecido pelos ministros da Saúde e Integração

13 Set 2010 - 17h37Por Fátima News com assessoria

A atuação de Moka como deputado federal e sua contribuição para os cidadãos não só de Mato Grosso do Sul, mas de todo o país fez com que o parlamentar ganhasse reconhecimento, prestígio e apoio não só da população, mas de pessoas importantes e notórias para o país, que acompanharam de perto a atuação do deputado, como os ministros da Saúde, José Gomes Temporão e da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima.

A viabilização de recursos para a construção do Hospital do Trauma em Campo Grande foi um dos trabalhos realizados por Moka, que tiveram participação direta do ministro José Gomes Temporão. Junto ao ministro, Moka conseguiu que fossem viabilizados R$17 milhões para a construção do hospital, que contará com 138 leitos de enfermaria, seis salas de cirurgia e 12 leitos no Centro de Tratamento Intensivo (CTI). “É de pessoas com o compromisso, a competência e a qualidade de Moka que Mato Grosso do Sul e o Brasil precisam no Senado”, diz Temporão.

Outra luta de Moka para a área da saúde, que vem sendo acompanhada e discutida com o ministro é a aprovação da PEC 29. Se aprovada, a emenda garantirá mais recursos para o setor com a destinação de 10% dos recursos arrecadados pela União para a saúde, assim como já acontece com os Estados, que contribuem com 12% e com os municípios, cuja contribuição é de 15%.“Moka levará toda a sua capacidade para o Senado e dará continuidade a esta luta, por isso ele tem o meu apoio”, afirma o ministro.

Geddel Vieira Lima, Ministro da Integração Nacional, também esteve junto de Moka e acompanhou o empenho e a preocupação do parlamentar na viabilização de recursos para obras importantes de infraestrutura em Campo Grande. Moka acompanhou o prefeito Nelsinho Trad na audiência que foi realizada junto ao ministro para liberação dos R$20 milhões utilizados nas obras de recuperação de enchentes nas ruas Ceará e na avenida Ricardo Brandão.

Diante do empenho e dedicação demonstrados por Moka à população de Mato Grosso do Sul, o ministro Gedel aponta no parlamentar, uma característica que, na sua avaliação é fundamental para o homem público: o carinho pelo seu Estado e pela sua gente. “Moka sempre foi um dos mais combativos parlamentares da Câmara. É comprometido, sério, honrado e demonstra amor pela sua terra, pela sua gente. Tenho certeza de que a sua eleição para o Senado significará um Mato Grosso do Sul bem representado e com voz forte em Brasília para defender seus interesses”, finaliza.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Caixa com cenouras de boa qualidade 100 DESPERDÍCIOS
Governo cria Rede de Bancos de Alimentos para combater desperdício
Ainda de acordo com a atualização, 567.369 pessoas estão em acompanhamento e outras 3.753.082 se recuperaram. PANDEMIA
Covid-19: Brasil acumula 4,4 milhões de casos e 134,9 mil mortes
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AUXILIO EMERGENCIAL
Caixa abre 770 agências amanhã das 8h às 12h
Apesar do esforço médico a adolescente não resistiu. DESCARGA FATAL
Adolescente segura extensão de energia e morre após sofrer descarga elétrica
Assaltante magro está com um revólver na mão direito e boné na esquerda TERROR NA RODOVIA
Vídeo mostra ação extremamente violenta de ladrões em Rodovia
As imagens mostram que a vítima estava prestes a sair de moto VIOLENCIA NA CIDADE
Homem é flagrado agredindo e tentando atropelar a ex; veja vídeo
Bolsonaro autorizou estudos para a área. PROGRAMA ASSISTENCIAL
Após desistir do Renda Brasil, Bolsonaro autoriza criação de novo programa social
Bolsonaro com Ricardo Barros APREENSÃO
Gaeco cumpre mandado em escritório de Ricardo Barros, lider do governo Bolsonaro na Câmara
presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) AGORA
Maia testa positivo para Covid-19, informa assessoria do deputado
 Joice Pastre, 27 anos, morreu na última sexta-feira (11) GESTO NOBRE
Família doa órgãos de jovem que sofreu aneurisma cerebral