Menu
SADER_FULL
quarta, 19 de janeiro de 2022
Busca
Brasil

Trabalhadores do ensino privado querem 15% de reajuste para os pisos

9 Fev 2010 - 14h10Por Douradosinforma

Os trabalhadores em estabelecimentos de ensino do setor privado de Mato Grosso do Sul querem 15% de reajuste para os pisos da categoria e 10% para quem ganha acima do piso, para vigorar a partir de 1º de março, data base desses profissionais. Essas e outras propostas de melhoria foram levantadas durante assembléia geral realizada pelo Sintrae/MS (Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino no MS) no sábado, e serão encaminhadas ainda esta semana ao sindicato patronal para negociação.

Ricardo Martinez Froes, presidente do Sintrae, disse que o percentual solicitado para os pisos (15%) não é alto se considerarmos que atualmente esses vencimentos (pisos) estão entre os cinco mais baixos do país.

Os trabalhadores não têm dúvida de que o bom senso prevalecerá nas negociações e os percentuais almejados serão aprovados. Prova disso, segundo Ricardo Froes, vem da Funlec, que por intermédio de seu novo presidente, Dr. Mafuci Kadri, informou à direção do Sintrae que vai conceder 10% de reajuste salarial a todos os seus trabalhadores, a partir de 1º de março, independentemente da negociação com o Sinepe (sindicato patronal).

Para Ricardo Froes, com essa decisão “o presidente da Funlec demonstra que valoriza os trabalhadores – professores e, ao mesmo tempo, reconhece que estamos ganhando pouco como educadores”. Froes informou ainda que outras escolas já deram sinal de que vão conceder reajustes acima do índice inflacionário acumulado nos últimos 12 meses, “haja vista que a rede pública tem levado os professores do setor privado, motivados pelos salários e o plano de saúde do Estado”, comentou.

O Sintrae vai encaminhar as propostas ainda esta semana e vai solicitar a primeira rodada de negociação. “Não temos dúvida de que fecharemos bem este ano a nossa Convenção Coletiva de Trabalho”, comentou o sindicalista.

Leia Também

OMICRON
Brasil dobra contágio nas 24h e registra 74,1 mil novos casos de covid-19 e 121 mortes
LIÇÕES DA BIBLIA
Carne e Sangue como nós
ABUSO SEXUAL
Meninas escutam mãe contando de abuso sexual e fazem relato chocante sobre tio-avô
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, foram confirmados pelas autoridades sanitárias 24.934 novos casos de Covid-19
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Jovem morre após ser atingido por avião agrícola pilotado pelo pai
TEMPORAL - VIDEO
Forte chuva derruba árvores e deixa 23 mil pessoas sem energia
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, as autoridades de saúde notificaram 175 novos óbitos, totalizando 620.971
TRAGÉDIA
Deslizamento de terra destroi casarão histórico em Ouro Preto MG
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai, mãe e três filhas morrem em capotamento de caminhão
BIG BROTHER
Saiba quem foram os ex-BBBs que já morreram; 3 estiveram no BBB9