Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 19 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

TJ suspende afastamento e reconduz Fauzi à prefeitura de Aquidauana

19 Abr 2011 - 17h24Por Campo Grande News

O TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) determinou que Fauzi Suleiman (PMDB) seja reconduzido à prefeitura de Aquidauana.

Na última quinta-feira, o juiz da 2ª Vara Cível, José de Andrade Neto, havia afastado o prefeito do cargo por 180 dias.

A defesa de Fauzi recorreu e no fim da manhã de hoje o desembargador Luiz Tadeu Barbosa Silva concedeu a liminar, com efeito suspensivo.

A tese da defesa é de que não há razão para o afastamento, pois o refeito colocou à disposição toda a documentação necessária para esclarecer os fatos.

O MPE (Ministério Público Estadual) denunciou o prefeito por improbidade administrativa. Ele é acusado por fraudes em licitação e desvio de dinheiro público.

Fauzi afirma que é vítima de uma trama, orquestrada por rivais políticos. Para o prefeito, as denúncias foram feitas com o objetivo de afastá-lo da prefeitura, em uma briga pelo poder. A maioria das denúncias foi feita pelo vereador Wezer Lucarelli, expuso do PPS por infidelidade partidária.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS