Menu
SADER_FULL
sábado, 15 de maio de 2021
Busca
Brasil

Temporal mata 79 pessoas na China

6 Set 2004 - 06h59
Pelo menos 79 pessoas morreram e outras 74 estão desaparecidas, segundo o último balanço oficial sobre os temporais que atingem o sudoeste da China desde a última quinta-feira.

Na província de Sichuan, 55 pessoas morreram e outras 47 estão desaparecidas. No município vizinho de Chongqing, o número é de 24 mortos e 27 desaparecidos, informou o subdiretor do bureau de catástrofes naturais de Sichuan, He Rongjun.

Centenas de pessoas permanecem ilhadas em suas casas e fazendas já que as estradas ficaram destruídas depois das inundações e dos deslizamentos de terras registrados nesta zona montanhosa.

As inundações estão afetando as cidades de Dazhou, Nanchong e Bazhong desde a quinta-feira passada. Espera-se que elas continuem até amanhã, terça-feira, segundo informou o diretor da estação meteorológica provincial, Zhao Guangzhong.

Os governos locais mobilizaram a polícia e as Forças Armadas para evacuar os residentes ilhados, enquanto três equipes de trabalho controlam a zona afetada para fazer os trabalhos de resgate.

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho
VITIMA DO MASSACRE
'Fiquei vendo costurarem os ferimentos. Chorava, orava e agradecia por ele estar vivo, diz mãe
FRIO - FÁTIMA DO SUL NOVA ONDA DE FRIO
Frio de origem polar começa a ser sentido novamente e terá geada