Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 26 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Telefônicas são investigadas por acordo feito na época da compra da Vivo

24 Jan 2011 - 10h41Por FRANCE PRESSE

A Comissão Europeia anunciou nesta segunda-feira a abertura de uma investigação sobre acordos ilícitos de divisão de mercados entre as empresas de telecomunicações Telefónica (Espanha) e Portugal Telecom.

A investigação tem como objetivo determinar se as duas empresas violaram as regras da UE (União Europeia) ao combinar uma não concorrência em seus mercados nacionais respectivos, explicou a Comissão.

Um acordo neste sentido teria sido estabelecido em 2010, quando a Telefónica adquiriu o controle exclusivo da operadora brasileira Vivo.

Bruxelas também está verificando se as duas empresa não haviam feito um acordo similar antes.

"A abertura de uma investigação formal não supõe que a Comissão tenha uma prova conclusiva da infração, mas implica que tratará este caso de forma prioritária", afirma um comunicado.

Se o acordo for comprovado, os dois grupos poderão ser multados em até 10% de seu volume de negócios anual.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIRUS A SOLTA
Caixão com corpo que tinha identificação de risco biológico por Covid é achado em estrada
TRAGEDIA NA RODOVIA
Jovem fez vídeo antes de morrer em acidente no Paraná: 'Devagar, motora'
FATALIDADE
Padre cai de pedra em cachoeira e corpo é encontrado em poço
GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar
tratamento precoce prefeito curitiba 100 TRATAMENTO
"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19
A CASA CAIU
Mulher invade casa e flagra namorado fazendo sexo com outra; veja vídeo
LINHA DE FRENTE
'Ele lutou até o final', diz irmã de médico de 28 anos, após quase um mês morreu de Covid-19
SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras