Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 17 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Suspeito de esfaquear menina de 4 anos é linchado na Bahia

28 Fev 2011 - 08h38Por Terra

Um homem foi linchado, a pauladas e pedradas, por populares na madrugada deste domingo, no bairro de Fazenda Coutos III, área de baixa renda na periferia de Salvador, depois de supostamente esfaquear uma criança de 4 anos de idade. Segundo informações da Superintendência de Telecomunicações das Polícias Civis e Militar (Stelecom), o corpo do homem, de identidade ignorada, foi encontrado na rua Eixo, às 8h15.

Segundo informações de pessoas próximas à vítima, que não quiseram se identificar, o acusado se chamava Ronald e teria ido à casa da companheira com amigos. No local, eles teriam bebido e usado drogas. O rapaz teria ido ao quarto onde a criança estava dormindo e a esfaqueado na cabeça, no abdome e no peito.

A vítima foi levada ao hospital do Subúrbio, onde chegou por volta das 5h, passou por uma cirurgia ainda na manhã de hoje e estava, no final da tarde, com quadro estável. Os vizinhos da criança que ouviram os gritos ficaram revoltados e mataram Ronald. Ele estaria envolvido com a mãe da menina há cinco meses.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS
COM DESCONTOS
Veja as opções de pagamento do IPVA com desconto
CASA PRÓPRIA
Casa Verde e Amarela substitui Minha Casa Minha Vida com opção para renegociar dívidas e menos juros