Menu
SADER_FULL
segunda, 24 de janeiro de 2022
Busca
Brasil

STJ autoriza Arruda a receber médico particular na prisão

10 Mar 2010 - 05h30Por G1

O ministro do Superior Tribunal de Justiça Fernando Gonçalves, presidente do inquérito do mensação do DEM de Brasília, autorizou  nesta terça-feira (9) a visita de um médico particular ao governador afastado do Distrito Federal, José Roberto Arruda (sem partido, ex-DEM). Arruda está preso na Superintendência da Polícia Federal desde o dia 11 de fevereiro, por determinação do STJ.

 

O pedido para que o governador fosse atendido por seu médico particular foi feito pelo advogado dele, Nélio Machado, nesta segunda (8)- dia em que Arruda fez exames em um hospital de Brasília após se queixar de inchaço no tornozelo. Segundo o STJ, a defesa do governador alegou que ele sofre de diabetes, cardiopatia e inchaço nos pés.

“O governador tem vários problemas de saúde. Temos insistido para que o médico particular, de confiança dele, possa atendê-lo, mas a Polícia Federal coloca dificuldades. Ele já vinha com problema de pressão há um tempo. O governador já não é uma pessoa absolutamente saudável e está submetido a uma situação de grande estresse”, disse Nélio Machado ao G1, na segunda. 

 

O médico que será autorizado a visitar Arruda é o cardiologista Dr. Brasil, que costuma atender o governador.

 

A defesa de Arruda pediu ainda ao STJ que o governador seja autorizado a ter encontros privados com seus advogados na prisão. Na sala onde ele está preso na PF, há sempre um vigilante na porta. Além disso, os advogadas costumam ser acompanhados por agentes. Sobre este pedido, Gonçalves solicitou parecer do Ministério Público Federal antes de decidir.

 

"Arruda não está suportando"

Depois de visitar o governador afastado nesta terça-feira (9), a primeira-dama, Flávia Arruda, falou pela primeira vez sobre a situação do marido.

Sem gravar entrevista, a primeira-dama afirmou que a situação de Arruda se complica a cada dia e que o estado de saúde do governador é cada vez mais preocupante. Flávia disse aos jornalistas que Arruda não está suportando a prisão, está deprimido e com fortes sintomas de trombose. Ela relatou que o médico da PF, que acompanha o governador, pediu remédios mais fortes para combater os sintomas da doença. 

 

Já o médico que examinou o governador afastado em um hospital privado de Brasília na segunda, disse à Polícia Federal que Arruda está em "perfeito estado de saúde".

A assessoria da PF afirmou ao G1 que a avaliação do ultra-som dos pés do governador não demonstrou qualquer sinal de alteração.

 

Prisão

Arruda foi preso por determinação do STJ sob a alegação de que estaria obstruindo as investigações do suposto esquema de distribuição de propina a aliados do governo do DF. Ele teria comandado uma tentativa de suborno ao jornalista Edmilson Edson dos Santos, conhecido como Sombra. Antonio Bento da Silva, suposto emissário do governador, foi preso ao entregar uma sacola com R$ 200 mil a Sombra. Diante do flagrante, o tribunal deciciu prender preventivamente Arruda e outros quatro suspeitos de participação no crime.

 

O escândalo de corrupção no DF, conhecido como mensalão do DEM, veio à tona no dia 27 de novembro, quando a PF deflagrou a Operação Caixa de Pandora. Segundo o inquérito do Ministério Público Federal, Arruda seria o comandante de um esquema de propina, no qual estariam envolvidos o então vice-governador, Paulo Octávio (sem partido, ex-DEM), deputados distritais e membros do governo.

Leia Também

Fábrica de placas solares  ENERGIA SOLAR
Brasil atinge 1 milhão de consumidores com geração própria de energia solar
BRASIL 622.205 MORTES
Com recorde de 204.854 novos casos, Brasil registra 350 óbitos em 24 horas
ALARMANTE
Brasil bate recorde de casos diários de covid-19 com 204,8 mil
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab ainda tem 916 vagas para indígenas trabalharem nas lavouras de maçãs em SC e RS
BAIXA RENDA
Auxílio Gás: governo libera o pagamento no valor de R$ 52
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil tem um aumento e registra 351 mortes em 24 horas
OMICRON
Brasil dobra contágio nas 24h e registra 74,1 mil novos casos de covid-19 e 121 mortes
LIÇÕES DA BIBLIA
Carne e Sangue como nós
ABUSO SEXUAL
Meninas escutam mãe contando de abuso sexual e fazem relato chocante sobre tio-avô
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, foram confirmados pelas autoridades sanitárias 24.934 novos casos de Covid-19