Menu
BANNER EMAGRECEDOR VICENTINA
terça, 13 de abril de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Só CO tem aumento de alunos em classe de aceleração

27 Jul 2004 - 08h17
O número de alunos em classes de aceleração do ensino fundamental caiu de 1,2 milhão em 1999 para 682 mil em 2003. Apenas o Centro-Oeste não acompanhou a diminuição. Os dados constam no Censo Escolar, divulgado pelo Inep (instituto de pesquisas do Ministério da Educação).

No mesmo período, a taxa de distorção idade-série oscilou de 44% para 33,9%.



As classes de aceleração começaram a funcionar em 1996, com a aprovação da LDB (Lei de Diretrizes e Bases da Educação). A intenção é colocar o estudante em atraso escolar na série adequada à sua idade ou, ao menos, mais próxima dela.

No Centro-Oeste, o número de alunos nessa condição praticamente dobrou entre 1999 e 2003: de 38.554 para 76.738.

No Sudeste, a quantidade passou de 425.213 para 92.162. A região que mais tem estudantes em classes de aceleração é a Nordeste (610.245). A menor é a Sul, com 26.187.

 

Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

DESESPERADOR
Covid-19: Brasil registra 3.808 mortes em 24 horas
EXEMPLAR
Cidade modelo que vacinou 64% da população vê casos de covid-19 caírem 78%.
NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições
MORTANDADE
Brasil bate marca de 4 mil mortes por Covid registradas em um dia pela 1ª vez
COPA LIBERTADORES
Santos vence o San Lorenzo na Argentina e abre vantagem por vaga nos grupos da Libertadores
FATALIDADE
Técnico de informática morre após levar choque a partir de fone de ouvido
CANALHA
Pai comete estupro e diz que filha precisa saber "como é ter um homem"
SOB INVESTIGAÇÃO
Cantor gospel e pastor é encontrado morto e amarrado em árvore