Menu
SADER_FULL
segunda, 21 de junho de 2021
Busca
Brasil

Sindicato Rural organizou curso de educação ambiental em Glória

11 Mar 2010 - 18h30Por Demerval Nogueira / Fátima News

Em Glória de Dourados o Sindicato Rural através de parcerias entre o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Federação da Agricultura e Pecuária do MS (Famasul) e participação do Executivo Municipal via divisão municipal de Meio Ambiente (Dima), realizou nos dias 2 e 3 de março, um curso versando sobre a “Educação Ambiental no Campo”, evento de aprendizagem e aprimoramento sobre o assunto ocorrido na 4ª linha, 500 metros, nascente, mais precisamente na propriedade do empresário rural e urbano, Vanilton Rocha, que cedeu sua propriedade e recepcionou os participantes simpaticamente, destacando ainda um de seus funcionários para acompanhar a equipe de trabalho. O curso foi ministrado pelo educador Gustavo Elúsio Radeke de Carvalho, com a participação de diversos alunos e a da diretora da divisão municipal de Meio Ambiente, bióloga Maria Aparecida Furtuoso Gomes e a coordenadora, geógrafa Marla Camila Brugnerotto. Gustavo Radeke esclarece, “o objetivo do curso é transmitir conhecimentos e adotar uma atitude ética e responsável em relação às questões ambientais visando à adoção de ações práticas que demonstrem consciência em relação à preservação dos recursos naturais e a preocupação com as gerações atuais e futuras”.

 

 

A parte teórica do curso foi realizada na sede do Sindicato Rural onde foi entregue aos participantes o conteúdo abordando os temas relativos ao meio ambiente tais como, conceitos e termos ambientais; componentes do meio ambiente relacionados aos meios físico, biológico e antrópico; uso e manejo dos recursos naturais; legislação ambiental; desenvolvimento sustentável, entre outros. O curso também retratou atividades práticas na área rural onde foi realizado um levantamento sócio ambiental da propriedade e a identificação dos impactos ambientais, condições gerais da área de vivência e forma de utilização dos recursos ambientais. Ao mesmo tempo, os participantes executaram o recolhimento de lixo nas margens do córrego 2 de Junho, que corta a propriedade onde coletaram diversos materiais inservíveis que são conduzidos pelas enxurradas, pneus, latas, garrafas pet, materiais de origens plásticas, metais, vidros, filtro de cigarro, entre outros objetos descartados, que foram transportados da área urbana para o riacho levados pela chuva. Estudos realizados sobre decomposição de produtos descartáveis dimensionam que, o papel dura de 3 a 6 meses para se decompor no solo; panos, 6 a 12 meses; filtro de cigarro e chiclete, mais de 5 anos; nylon acima de 20 anos; plástico supera os 400 anos; metal em torno de 100 anos; alumínio, 200 anos; borracha, caso específico de pneus e derivados, período indeterminado.

 

 

O presidente do Sindicato Rural, empresário rural e urbano, Edgar Yamato acompanhou de perto as atividades desenvolvidas e argumentou, “este curso foi de extrema importância para todos os participantes no sentido real da conscientização sobre o meio ambiente e isto é fundamental, pois, dependemos de forma vital do meio em que vivemos e é preciso cuidar da natureza porque ela não suporta mais tanto desgaste”, disse Yamato afirmando ainda, “agradeço a participação de todos os envolvidos neste projeto de cunho ambiental, não somente pela participação, mas pelo interesse em transformar o nosso meio ambiente em busca de melhores dias, este fato representa um gesto de cidadania e elevado senso de dedicação. Se todos os seres humanos pensassem e agissem dessa forma, consequentemente o nosso planeta seria mais saudável e a natureza não estaria reagindo com tal veemência”, finaliza Yamato.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIOLENCIA DOMESTICA
Menina de 12 anos furta bisavô e leva 10 chibatadas da mãe por ordem do CV
MILIONÁRIO
Aposta única fatura prêmio de R$ 7 milhões da Mega-Sena
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa paga hoje 3ª parcela do auxílio emergencial para nascidos em março
LUTO NA MÚSICA
Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19 após ter os pulmões comprometidos
VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América
FAMOSIDADES
Apresentador mostra fotos de viagens românticas com filha de Faustão e se declara
SEIS DIAS DE TERROR
Homem mata uma família e aterroriza moradores em seis dias de fuga deixando rastros de crimes
TRISTEZA E COMOÇÃO
Jovem engenheiro morre em acidente com moto e comove cidade