Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 26 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Sindicato de MS critica gestão da PRF

1 Fev 2011 - 11h12Por Dourados Agora

O presidente do Sindicato do Policiais Rodoviários Federais de Mato Grosso do Sul (SINPRFMS), Marcos Khadur Rosa Pires, criticou duramente a forma que vem sendo gerida a PRF, no Estado. O líder sindical afirma que a categoria está desmotivada por conta da redução gradativa do efetivo, do aumento da burocracia no trabalho dos agentes e da falta de respaldo da direção da instituição.

“Quero deixar claro que essa não é uma luta política, mas uma reivindicação da categoria. Isso vem refletindo inclusive no número de apreensões que estão acontecendo no Mato Grosso do Sul. A classe está revoltada, por conta das falhas na gestão pessoal. Em três anos o nosso efetivo deve reduzir em 40%”, enfatizou Marcos Khadur.

Segundo o presidente do sindicado, no Estado, a PRF tem atualmente cerca de 390 agentes, sendo que desse total, 120 traba-lham em setores administrativos, sobrando 270 agentes para fazer a fiscalização nas estradas. Como a PRF trabalha em regime de escala, que é 24h por 72h, por dia o Mato Grosso do Sul conta somente com pouco mais de 60 agentes para fazer a seguran-ça de todas as rodovias federais que cortam o Estado.

Atualmente a direção da PRF, no MS, é do inspetor Valter Aparecido Favaro, que está aposentado há mais de 10 anos e há 8 está a frente da instituição. Por conta disso, o sindicato defende a renovação da direção do órgão. “Entregamos em 2008 uma Lei Orgânica, que pede entre outras coisas, que cada diretor da PRF, no Brasil, permaneça no cargo por um período máximo de três anos, para que aja oxigenação na instituição e alternância no poder, mas continua engave-tada. Essa mentalidade é unanime entre a categoria e ficou clara nas assembléias realizadas pelo sindicato. Um exemplo de mudança é a Polícia Federal que hoje é dirigida por um agente de 44 anos que está há cerca de 15 anos na instituição e perma-nece na ativa” declarou Marcos Khadur.

GREVE

O desejo de renovação dos agentes de Mato Grosso do Sul, é uma luta que vem de encontro com os anseios da categoria em todo o Brasil. Mais de 21 sindicatos da PRF, lançaram o Movimento Nacional denominado: “Por Uma Nova PRF”.

O SINPRFMS aprovou, no último dia 28, a participação da entidade no movimento. A participação foi deliberada pela cate-goria, que se reuniu em Assembléia Geral Extraordinária votando pela ratificação do “Estado de Alerta” que prevê a deflagra-ção de Greve Geral caso o Governo não substitua e aceite a participação da categoria nas decisões de uma possível nova Dire-toria do Departamento de polícia Rodoviária Federal. A paralisação nacional pode acontecer antes do Carnaval, no início de março. Os Policiais Rodoviários Federais do MS, também decidiram que a prioridade e o compromisso do futuro Diretor deverá ser o encaminhamento do Projeto de Lei Orgânica da instituição, parada na mão do atual diretor desde 2008.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Padre cai de pedra em cachoeira e corpo é encontrado em poço
GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar
tratamento precoce prefeito curitiba 100 TRATAMENTO
"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19
A CASA CAIU
Mulher invade casa e flagra namorado fazendo sexo com outra; veja vídeo
LINHA DE FRENTE
'Ele lutou até o final', diz irmã de médico de 28 anos, após quase um mês morreu de Covid-19
SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece