Menu
SADER_FULL
terça, 9 de agosto de 2022
SADER_FULL
Busca
Brasil

Servidores podem sacar hoje o 13º salário em Glória de Dourados

15 Dez 2009 - 11h10Por Demerval Nogueira / Fátima News

A Prefeitura de Glória de Dourados sob o comando do prefeito Arceno Athas Júnior (PSB) antecipou o 13º salário dos funcionários públicos municipais. O chefe do departamento de Recursos Humanos, João Gonçalves Moreira esclarece, “apesar de todas as dificuldades encontradas no transcorrer desta temporada, o prefeito Dr. Arceno Athas Júnior tomou medidas econômicas necessárias e condizentes no sentido de trabalhar dentro de um patamar de equilíbrio nas finanças, e faz questão absoluta de priorizar o funcionalismo municipal”, adiantando ainda que, “a intenção do prefeito é liquidar a folha do mês de dezembro ainda esse mês e, consequentemente, com essas liberações de recursos, projeta-se um poder aquisitivo considerável, alem de injetar no mercado consumidor, cifras consideráveis, elevando o poder de compra dos funcionários e gerando um extraordinário aquecimento do comércio local, neste final de temporada”, diagnostica Moreira.

 

 

O 13º salário depositado na agência bancária específica, na última segunda-feira, foi liberado aos servidores do município na terça. Com a liberação do 13º salário, a atual administração municipal completa também a 13ª folha, tendo em vista, a chamada “herança antecessora”, visto que, quando assumiu o comando do município, encontrou a folha salarial correspondente ao mês de dezembro de 2008 em débito com os servidores, pois, foi “esquecida” pela administração passada. Também foram quitadas as férias dos professores da Rede Municipal de Ensino (Reme), correspondente ao exercício anterior, compromissos que também não foram “lembrados” de serem pagos no mandato findo.

 

 

O prefeito destaca a importância de honrar compromissos, principalmente com o funcionalismo público, bem como, os fornecedores. Arceno Athas faz uma “radiografia” das finanças do município e comenta, “apesar da longa instabilidade financeira e dos contratempos provocados especificamente devido às quedas constantes do Fundo de Participações dos Municípios (FPM) e outros repasses constitucionais, que geraram e continuam gerando extremo desconforto aos municípios brasileiros, principalmente os de pequeno porte, ainda assim, com medidas drásticas na contenção de despesas e até mesmo a redução salarial de grande parte dos funcionários, só assim foi possível honrar nossos compromissos no apagar das luzes do nosso primeiro ano no comando municipal”, dimensiona Athas. Quando liquidar a folha do mês de dezembro, sua quitação já está sendo estudada e projetada pelo prefeito e o chefe do departamento de RH, ainda esse mês, momento em que, completará 14 folhas pagas somente na atual administração. Isto representa um novo recorde, para quem vem atravessando um ano de verdadeiros desequilíbrios nos repasses constitucionais.

 

Leia Também

TENTATIVA DE ASSASSINATO
Coroinha é esfaqueado no pescoço durante missa em igreja
AUXILIO CAMINHONEIRO
Caixa libera consulta ao Auxílio Caminhoneiro
VAMOS AJUDAR - COMPARTILHE
Casal que adotou 3 irmãos autistas vítimas de maus-tratos comove internautas
DESUMANIDADE
Polícia interdita casa de repouso por tortura e sequestro de idosos
DENUNCIADO POR VIZINHOS
Mãe e filho são executados e corpos escondidos dentro de sofá velho jogado em lote baldio
AUXILIO BRASIL
Governo amplia Auxílio Brasil e mais 23,7 mil famílias vão receber em MS
ASSASSINATO
Campeão mundial de jiu-jitsu, Leandro Lo morre após levar tiro na cabeça
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil registra 261 óbitos e 40,4 mil casos em 24 horas
LENDA DO HUMORISMO
Jô Soares morre em São Paulo aos 84 anos
A CONTA GOTAS
Petrobras anuncia corte de R$ 0,20 no preço do diesel