Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 19 de janeiro de 2022
Busca
PARALISAÇÃO

Servidores da Justiça Federal entram em greve hoje em MS

26 Nov 2009 - 06h59Por Diário MS
Servidores dos principais órgãos do judiciário federal prometem entrar em greve hoje em todo o país. Em Mato Grosso do Sul, segundo informações do Sindjuf/MS (Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal e Ministério Público da União de Mato Grosso do Sul), a paralisação deve atingir os três maiores órgãos do judiciário federal – Justiça Federal, Justiça do Trabalho e Justiça Eleitoral.
No total, são aproximadamente 1.500 servidores em MS, mas ainda não há confirmação da paralisação em todos os municípios. Em Dourados, por exemplo, a greve ficará restrita à Justiça Federal – que, inclusive, já está paralisada desde o dia 18 deste mês. A greve, restrita à 1ª Vara, atinge hoje também a 2ª vara. Em Dourados, são 50 servidores na Justiça Federal.
Segundo o Sindjuf, a mobilização dos servidores deverá se concentrar, principalmente, nas cidades de Campo Grande, Dourados e Naviraí. O coordenador geral do Sindjuf/MS, Ricardo Reis Rocha, disse ontem ao Diário MS que a participação na mobilização nacional foi decidida em assembléia estadual, mas depende da decisão individual de cada comarca.
Segundo ele, durante a greve será mantido o efetivo mínimo de 30% para cumprimento de serviços essenciais. No entanto, segundo o servidor, alguns serviços certamente serão prejudicados, como a realização de audiências, que devem ser remarcadas. “Os Tribunais também devem baixar portarias estabelecendo suspensão de prazos em decorrência da greve”, explicou.
Segundo ele, a greve aprovada para MS é por tempo indeterminado. Em Dourados, a paralisação deverá atingir somente a Justiça Federal, que já decretou greve na 1ª Vara, Central de Mandados e distribuição desde o dia 18 de novembro. A partir de hoje, a greve chega também à 2ª Vara.

REIVINDICAÇÕES

A greve deflagrada a partir de hoje tem como objetivo pressionar o STF (Supremo Tribunal Federal) a encaminhar ao Senado uma proposta de reajuste salarial ‘parada’ há pelo menos um ano.
A principal proposta apresentada no anteprojeto é a equiparação dos salários de cargos análogos nos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. Hoje, segundo o coordenador, existe uma discrepância no salário pago a cargos idênticos, em esferas diferentes do poder. “Existem atribuições da mesma complexidade com salários diferentes. Queremos acabar com esta defasagem salarial”, complementa Ricardo Rocha, que é servidor do TRE (Tribunal Regional Eleitoral).
Em Campo Grande, a mobilização terá caráter solidário. Amanhã, os servidores prometem se concentrar em frente ao prédio da Justiça Federal, no Parque dos Poderes, onde haverá manifestação ‘solidária’. Eles não vão trabalhar, mas farão doação de sangue e arrecadação de alimentos e brinquedos para campanha de Natal.

Leia Também

OMICRON
Brasil dobra contágio nas 24h e registra 74,1 mil novos casos de covid-19 e 121 mortes
LIÇÕES DA BIBLIA
Carne e Sangue como nós
ABUSO SEXUAL
Meninas escutam mãe contando de abuso sexual e fazem relato chocante sobre tio-avô
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, foram confirmados pelas autoridades sanitárias 24.934 novos casos de Covid-19
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Jovem morre após ser atingido por avião agrícola pilotado pelo pai
TEMPORAL - VIDEO
Forte chuva derruba árvores e deixa 23 mil pessoas sem energia
COVID NO BRASIL
Em 24 horas, as autoridades de saúde notificaram 175 novos óbitos, totalizando 620.971
TRAGÉDIA
Deslizamento de terra destroi casarão histórico em Ouro Preto MG
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai, mãe e três filhas morrem em capotamento de caminhão
BIG BROTHER
Saiba quem foram os ex-BBBs que já morreram; 3 estiveram no BBB9