Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 24 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Senar/MS oferece curso de cultivo do figo em Antônio João

8 Abr 2011 - 17h54Por Dourados Informa

O clima de MS é excelente para o cultivo do figo. O fruto produz muito bem aqui, mas falta investimento e conhecimento. É neste ponto que entra a qualificação oferecida pelo Senar/MS. A afirmação do educador do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS), Carlos Alberto Salgueiro, demonstra a importância do estímulo oferecido pela instituição por meio de cursos de capacitação, em especial o de cultivo de figo, que segundo ele é uma alternativa rentável para o produtor do Estado. O município de Antônio João recebe já na próxima semana, de 12 a 15 de abril, o curso de “Plantio e manejo de pomar - cultivo do figo”.

No curso, os alunos aprenderão a desenvolver a forma correta para a implantação e o manejo do pomar, utilizando as técnicas adequadas para o cultivo de figo. De acordo com a programação, os participantes terão aulas sobre escolha da área para plantio, espaçamento e demarcação, correção e adubação, seleção de mudas, tratos culturais, entre outras. “A poda é uma prática muito importante nessa atividade. A quantidade de frutos da figueira depende da época e a maneira como é realizada a poda”, destaca Salgueiro.

A principal produção de figo do País está concentrada no estado de São Paulo, principalmente no município de Valinhos. Segundo Carlos Alberto, em Mato Grosso do Sul existem alguns focos de produção e duas fábricas de doce de figo, localizadas em Dourados e Campo Grande. Para o educador do Senar/MS, produzir figo maduro para abastecer o mercado local pode ser uma boa alternativa para quem pretender entrar no ramo. “É preciso investimento e conhecimento sobre o mercado”, resume.

Segundo Carlos Alberto, o setor de industrialização do figo é um mercado com grande demanda, porém, carente de fornecedor local. “O produtor também tem a opção de investir na industrialização, na fabricação de doces em compota. Se ele precisar de qualificação nessa área, o Senar/MS também oferece cursos para isso”, citou.

Planta de clima subtropical e folhas caducas (que caem durante uma época do ano), a figueira se desenvolve tanto em regiões subtropicais quentes ou em climas temperados. Os figos podem ser colhidos o ano inteiro, principalmente entre os meses de outubro a maio.

Os frutos podem ser aproveitados em diferentes estágios de maturação. Quando ainda estão verdes, os figos são perfeitos para a confecção de doces em compotas, já os maduros são ideais para o consumo in natura. Atualmente, o produtor recebe, em média, R$ 0,60 por kg do produto.

Outros cursos

De 12 a 14 de abril, acontece em Dourados o curso de “Produção caseira de pães, bolos, biscoitos e salgados. Já nos dias 11 e 12 desse mês, o município de Inocência recebe o curso de “Planejamento de cardápios com aproveitamento de alimentos”. Todos os cursos são realizados gratuitamente em parceria com os Sindicatos Rurais municipais. Para se inscrever o interessado deverá ter mais de 18 anos e ser trabalhador na atividade rural.

Sobre o Senar

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) é uma instituição mantida pela classe patronal rural, vinculada à Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Tem o objetivo de desenvolver ações educativas, que visam o desenvolvimento do homem rural como cidadão e como trabalhador, numa perspectiva de crescimento e bem-estar social.

O Senar está presente em todos os municípios de Mato Grosso do Sul, atuando em parceria com os 68 sindicatos rurais e desenvolvendo iniciativas de educação, informação e conhecimento em agronegócio. O trabalho é desenvolvido a partir da missão de contribuir com o setor agropecuário, um dos mais importantes vetores da economia do Estado.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GANGUE DO TIJOLO
Menores entre 13 e 17 anos formam bando e fazem 'arrastão'; veja vídeo
LUZ DO DIA
Empresário é executado com três tiros dentro de carro
SELFIE DA MORTE
Professora tenta tirar selfie e morre afogada ao cair no mar
tratamento precoce prefeito curitiba 100 TRATAMENTO
"Estão no Cemitério", diz prefeito de Curitiba sobre pessoas que usaram tratamento precoce Covid-19
A CASA CAIU
Mulher invade casa e flagra namorado fazendo sexo com outra; veja vídeo
LINHA DE FRENTE
'Ele lutou até o final', diz irmã de médico de 28 anos, após quase um mês morreu de Covid-19
SEU BOLSO
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Na calada da noite, namorado da avó estupra criança de 12 anos e é espancado por vizinhos
CONCURSO PÚBLICO
Concurso da Aeronáutica somam com as 21 mil vagas em outros concursos que a semana oferece
DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro