Menu
SADER_FULL
terça, 13 de abril de 2021
BANNER EMAGRECEDOR VICENTINA
Busca
Brasil

Semec leva a Poesia aos estudantes da Escola Pólo

18 Ago 2004 - 08h15

A Prefeitura de Deodápolis através da secretaria municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, pasta sob o comando da secretária e professora Maria Joana da Silva Alencar, realizou na segunda-feira, 16, na Escola Municipal Santa Terezinha ‘Pólo’, uma tarde diferente com o tom, a inspiração e a força imaginativa do grande poeta sul-mato-grossense, José Mauro Messias, conhecido como o “Poeta das Moreninhas”, apelido dado devido residir neste bairro na Capital do Estado, Campo Grande.

 

Com a participação da secretária municipal de Educação, diretores, coordenadores, professores, alunos e funcionários do corpo administrativo, o poeta José Mauro Messias recitou diversas poesias de sua autoria e também de outros companheiros e poetas. De descendência negra, o poeta declamou poesias sobre a raça negra que gerou esta miscigenação forte, autentica, porém, ao mesmo tempo, discriminada por muitos, não só em nosso País, mas também em outros continentes. O poeta não falou somente de raça e de cor, ele também teceu comentários e recitou poesias incentivando os alunos a entrarem no mundo real, afirmando, “todos nós andamos correndo atrás de borboletas e é preciso entrar no mundo da realidade”, afirmou o poeta, declamando ainda que, “ao invés de corrermos atrás de borboletas é necessário prepararmos com o passar do tempo, procurando ocupar o espaço positivo dentro de nós mesmos, principalmente através da autenticidade e da auto-afirmação, caso contrário, o tempo passa e se encarrega de levar consigo todos nós e o nosso próprio tempo que esquecemos de utilizá-lo. É preciso também ocupar o nosso tempo e prepararmos para Deus”, exclamou o poeta em sua poesia denominada, “O Tempo”.

 

Segundo a secretária municipal de Educação, Maria Joana, “a participação do poeta José Mauro Messias foi de vital importância para os alunos da Escola Santa Terezinha Pólo, porque uma aula poética incentiva os alunos e também faz parte de forma incisiva da nossa cultura que carece dessa injeção de ânimo”, disse Maria Joana.

 
O poeta José Mauro Messias já percorreu 48 cidades em 16 estados da federação. Ele mantém este trabalho graças as suas parcerias com as secretarias municipais, estaduais e universidades. O poeta já escreveu 04 livros, sendo que, o 1º, 2º e 3º volumes já foram todos vendidos e já está preparando o lançamento do seu 5º livro poético para o início de 2005. José Mauro disse que o objetivo específico do seu trabalho é, “despertar o talento existente dentro da sala de aula, que vive adormecido”. O poeta José Mauro Messias é diretor cultural do ICAB (Instituto Casa da Cultura Afro-Brasileira) e faz parte do PRÓ-LER (Programa Nacional de Incentivo a Leitura).
 
 
 
Fátima News / Demerval Nogueira

Deixe seu Comentário

Leia Também

EXEMPLAR
Cidade modelo que vacinou 64% da população vê casos de covid-19 caírem 78%.
NOVO CÓDIGO DE TRANSITO
Novo Código de Trânsito entra em vigor na segunda-feira; veja mudanças
LOCKDOWN É A SOLUÇÃO?
Araraquara X Bauru: dois retratos do Brasil com e sem lockdown contra a covid-19
AGRICULTURA SUSTENTAVEL NO MUNDO
II Congresso Mundial de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta deve receber 1 mil inscrições
MORTANDADE
Brasil bate marca de 4 mil mortes por Covid registradas em um dia pela 1ª vez
COPA LIBERTADORES
Santos vence o San Lorenzo na Argentina e abre vantagem por vaga nos grupos da Libertadores
FATALIDADE
Técnico de informática morre após levar choque a partir de fone de ouvido
CANALHA
Pai comete estupro e diz que filha precisa saber "como é ter um homem"
SOB INVESTIGAÇÃO
Cantor gospel e pastor é encontrado morto e amarrado em árvore
CONTAMINAÇÃO
Igrejas superam mercado e consultório médico em risco de transmissão de Covid-19, aponta estudo