Menu
SADER_FULL
sexta, 18 de junho de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Semana da Conciliação realiza acordo milionário em Mato Grosso do Sul

4 Dez 2009 - 07h37Por TJ / MS

Mato Grosso do Sul realizou, no primeiro dia da Semana da Conciliação, um acordo milionário com montante de cerca de R$ 200 milhões, cujo litígio envolveu as empresas Consil e Brasil Telecom. Uma ação de cobrança que, desde 1998, tramitava na justiça de MS teve a lide dividida em 13 processos distintos: três do Superior Tribunal de Justiça (STJ), um no Tribunal de Justiça e nove na 2ª Vara de Fazenda Pública de Campo Grande.

A partir do acordo, as empresas fixam o valor a ser pago e a devida forma de pagamento, fica registrado a resistência de todos os agravos e recursos e as partes renunciam ao direito de recorrer. Uma conciliação envolvendo R$ 200 milhões é a maior já realizada na justiça de Mato Grosso do Sul e a mais volumosa do país de que se tem notícia.

Para que se entenda melhor, no início da década de 90, a Consil montou toda a estrutura física para um plano de expansão da antiga Telems, com 14 mil terminais, centrais telefônicas, cabeamento e outros aparatos técnicos. Depois disso, as empresas se desentenderam quanto ao pagamento e começou o litígio.

Formalizado o acordo, o juiz Ricardo Galbiati, da  2ª Vara de Fazenda Pública de Campo Grande, ressaltou o empenho da Desa. Tânia Garcia de Freitas Borges, relatora do processo em 2º grau e coordenadora da Semana da Conciliação, para que se chegasse a esse entendimento.
 
“É muito difícil fazer a pacificação e a desembargadora se envolveu na questão, buscou as partes e chegamos até aqui. As partes ficam satisfeitas, sentindo que receberam tratamento justo. A Desa. Tânia transcendeu sua função para que o acordo fosse realizado de forma amigável. Ela é merecedora de toda nossa admiração”, salientou ele.
 
Representando a Consil, o advogado Mansur Karmouche apontou o acordo como um momento histórico e lembrou que se todos conseguissem chegar a acordos como esse, muito seria evitado. “Muitas vezes temos um embate entre dois profissionais que querem mostrar para seus clientes suas teses, sua galhardia no processo. Mas deveriam eles ter consciência que são profissionais muito importantes para se chegar a uma solução”, ressaltou.
 
Carlos Marques, advogado da Brasil Telecom, em nome da empresa, agradeceu o empenho da desembargadora e do juiz na solução do litígio. “Estava na hora de se colocar um fim nessa demanda e o empenho dos dois representantes da justiça foi fundamental”, disse.
 
Ao encerrar a audiência, a Desa Tânia também agradeceu a colaboração dos advogados das partes e garantiu que o acordo é o coroamento de todo esforço. “Mais que um acordo, temos aqui uma mudança de paradigma: da cultura do litígio pela cultura de conciliação. Não há vencidos nem vencedores e todos ganham – as partes,  o judiciário e todo o país”.
 
Saiba mais - A Semana da Conciliação, promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em todo o país, visa mobilizar operadores do Direito e sociedade no sentido de desenvolver a conscientização e a cultura conciliatória como um mecanismo eficiente para a efetiva prestação da tutela jurisdicional.
 
Participam do movimento conciliatório todas as comarcas e varas do Estado, em cujos feitos a conciliação for juridicamente possível e, em segundo grau de jurisdição, os desembargadores que decidirem aderir ao movimento.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América
FAMOSIDADES
Apresentador mostra fotos de viagens românticas com filha de Faustão e se declara
SEIS DIAS DE TERROR
Homem mata uma família e aterroriza moradores em seis dias de fuga deixando rastros de crimes
TRISTEZA E COMOÇÃO
Jovem engenheiro morre em acidente com moto e comove cidade
MUI AMIGO
Homem obriga mulher de amigo a fazer sexo oral e leva surra em delegacia
DOENÇA DO SÉCULO
Homem de 33 anos deixa carta de despedida e tenta pular de ponte
ABSURDO
Família registra boletim de ocorrência após vitima de covid ser sepultado em cemitério errado
ANTECIPAÇÃO
Governo antecipa pagamento de parcelas do auxílio emergencial