Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 24 de setembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Sem sustos, Palmeiras bate Sucre pelo alto e pega Atlético-MG

21 Out 2010 - 07h44Por Redação Terra

Após conquistar a vantagem de 1 a 0 no jogo de ida, na Bolívia, o Palmeiras definiu nesta quarta-feira o confronto das oitavas de final da Copa Sul-Americana com uma nova vitória sobre o Universitario de Sucre, por 3 a 1, na Arena Barueri. Todos os gols da partida foram marcados de cabeça: Kleber, Luan e Danilo anotaram pelo time da casa, enquanto Cirillo descontou.

Com o resultado, a equipe de Luiz Felipe Scolari - que dominou amplamente o confronto contra os bolivianos - enfrentará outro brasileiro nas quartas: o Atlético-MG, que perdeu do Santa Fe por 1 a 0 fora de casa, mas se classificou graças ao triunfo por 2 a 0 na ida, em Sete Lagoas.

O time alviverde foi a campo com uma formação mais ousada do que de costume, com o atacante Luan pelo lado esquerdo no lugar de Rivaldo, de características mais defensivas. Além disso, Valdivia, que a princípio estava vetado até para o clássico contra o Corinthians pelo Campeonato Brasileiro, foi surpreendentemente escalado como titular no meio. Completaram o setor ofensivo Tinga, pela direita, e Kleber, no comando de ataque.

Como era de se esperar, a equipe paulista começou pressionando os bolivianos, e abriu o placar com apenas 11min. Gabriel Silva recebeu de Valdivia na ponta esquerda e cruzou na medida para Kleber, que só teve o trabalho de escorar de cabeça no canto direito do goleiro Lampe.

Com boa movimentação do quarteto ofensivo, o Palmeiras não era ameaçado pelo Sucre. Os visitantes só chegaram uma vez na primeira etapa, com um chute de Sacha Lima aos 24min, que Deola espalmou para escanteio.

O segundo gol brasileiro não demorou a chegar, em jogada quase idêntica à do primeiro. Novamente, Valdivia acionou Gabriel Silva na esquerda e o lateral acertou cruzamento preciso para o meio da área, onde Luan desviou para as redes de cabeça, aos 27min.

O conforto palmeirense poderia aumentar ainda mais três minutos depois, quando o goleiro Lampe se atrapalhou com recuo de bola e derrubou Tinga, que ia em direção ao gol do Sucre. Porém, o árbitro paraguaio Antonio Arias deu apenas cartão amarelo para o camisa 1.

Logo no início da segunda etapa, uma torre de iluminação da Arena Barueri se apagou e a partida teve que ficar paralisada por 30 minutos, até que a energia elétrica voltasse. Logo após o reinício, quase Gabriel Silva conseguiu sua terceira assistência da noite: ele cruzou na cabeça de Kleber, mas o desvio do atacante foi salvo por Lampe, que se esticou para espalmar.

Mostrando pouca qualidade, mas muito empenho, o time boliviano conseguiu diminuir na bola parada, aos 15min. Sacha Lima ergueu na área em cobrança de falta e Cirillo, que havia acabado de entrar no jogo, desviou de cabeça na pequena área, dando esperanças aos visitantes.

O Palmeiras seguiu com o controle da partida e respondeu na mesma moeda aos 24min. Valdivia sofreu falta fora do lance na ponta esquerda e Marcos Assunção levantou a bola na área na cobrança; o zagueiro Danilo subiu mais que a defesa adversária e escorou para a rede, marcando o quarto gol de cabeça do confronto e fechando o placar.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Motorista registrou a travessia de uma jiboia na avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. FORA DO HABITAT
VÍDEO: motorista flagra jiboia cruzando pista de avenida no RJ: 'olha isso'
Só queria que me entendessem sem preconceito! PRECONCEITO
Jovem é expulso de casa ao assumir namoro com mulher trans
Yan e um comparsa renderam mãe e filha na rua CRIMINOSO
Bandido morto pela PM arrancou família de carro e agrediu mulher uma semana antes
O diesel não sofreu reajuste. + ALTA
Gasolina sobe 4% nas refinarias, anuncia Petrobras
O total de mortes causadas por covid-19 chega a 138.108, um acréscimo de 0,6% sobre a soma de segunda Saúde
Covid-19: Brasil tem 33,5 mil novos casos e 836 mortes em 24 horas
HERANÇA PORTUGUESA
A herança portuguesa na vida cotidiana do Brasil
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga nova parcela do auxílio emergencial para 5,6 milhões de pessoas
o maior programa de assistência aos mais pobres no Brasil e talvez um dos maiores do mundo PRESIDENTE NA ONU
Bolsonaro diz que brasileiros receberam mil dólares de auxílio
Imagem: Reprodução/Balanço Geral Londrina FUGA EM MASSA
Presos fogem de cadeia após surto de Covid-19
Material estava dentro de uma bexiga e enrolado com fita isolante PROFUNDEZAS DO CRIME
8 celulares e outros materiais são retirados do ânus de preso