Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 13 de junho de 2021
Busca
Brasil

Seguro-desemprego sairá em 15 dias, anuncia ministro

30 Dez 2009 - 13h16Por G1

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, anunciou nesta quarta-feira (30) que, ao longo de 2010, o tempo de concessão do seguro-desemprego deverá cair substancialmente.

Atualmente, segundo ele, a concessão do benefício aos trabalhadores demora de 45 a 60 dias. Entretanto, com o início das operações do sistema Homolognet, a partir de março, o prazo vai cai começar a cair, chegando "ao longo do ano", para até 15 dias, assegurou Lupi.

De acordo com o ministro, o novo sistema controlará eletronicamente todas as fases de rescisão do contrato de trabalho, desde a elaboração do termo de rescisão até a homologação pelo Ministério do Trabalho.

Aumento no pagamento de benefícios em 2010

Em um ano marcado pelos efeitos da crise financeira internacional na economia brasileira, o volume de trabalhadores que recebeu o seguro-desemprego, de janeiro a novembro, somou 7,05 milhões, novo recorde histórico, informou o governo.

Ao todo, foram pagos R$ 17,66 bilhões em seguro-desemprego na parcial de 2009, valor que também representa novo recorde histórico. Em 2008, segundo o ministro Carlos Lupi, 5,8 milhões de trabalhadores receberam o benefício. "O volume subiu em 2009 por conta da crise financeira internacional", disse ele.

O Ministério do Trabalho lembrou que houve, no início deste ano, uma ampliação no número de parcelas do seguro-desemprego pago por conta da crise financeira interancional. Com a medida, 149,15 mil trabalhadores receberam dois meses a mais do benefício, o que resultou em um valor pago a mais de R$ 182 milhões. 

Correção dos valores no próximo ano

Nesta segunda-feira (28), por decisão do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), o governo informou que o valor da parcela do seguro-desemprego será corrigida 9,67% a partir de janeiro de 2010. Com isso, o valor máximo da parcela paga, referente aos salários médios acima de R$ 1.403,28, subirá de R$ 870 para até R$ 954,21. A parcela mais baixa refere-se justamente ao valor do salário mínimo, que subirá para R$ 510 em janeiro, com pagamento em fevereiro.

O que é?

O seguro-desemprego pode ser requerido por todo trabalhador dispensado sem justa causa, por aqueles cujo contrato de trabalho foi suspenso em virtude de participação em curso ou programa de qualificação oferecido pelo empregador; por pescadores profissionais durante o período em que a pesca é proibida devido à procriação das espécies e por trabalhadores resgatados da condição análoga à de escravidão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CÓDIGO DE TRÂNSITO
Mudanças no código de trânsito brasileiro e suas implicações para motoristas
ESPORTE PELO MUNDO
Em fase artilheira no Cazaquistão, lateral Bryan, ex-Cruzeiro, valoriza presença e relacionamento
FOTO: Só Notícias / Luan Cordeiro / ASSESSORIA COPA AMÉRICA 2021 - NO BRASIL
COPA AMÉRICA: Confira as 06 Seleções que jogarão na Arena Pantanal
biden vacinas capa 696x487 SOLIDARIEDADE
Biden anuncia que vai mandar vacinas para o Brasil e outros países
FENÔMENO RARO
Junho tem Eclipse Solar, Lua de Morango e dia mais longo do ano
PROTESTOS PELO BRASIL
29M pelo fora Bolsonaro chegou a mais de 200 cidades e ganhou as redes sociais
ATENTADO AO PUDOR
Prostitutas exibem partes íntimas no meio da rua, moradores reclamam, Vídeos
NA BRONCA
Bolsonaro aciona STF contra decretos estaduais que impõem restrições para conter Covid-19
BARBÁRIE
Homem encontra partes do corpo do filho em rio
FENÔMENO RARO
Super Lua de Sangue e Eclipse total acontece nesta quarta