Menu
SADER_FULL
quinta, 2 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

São Paulo vence o Atlético-MG e assume a liderança

7 Jul 2004 - 07h13
Mesmo sem Luis Fabiano e com dificuldades no setor ofensivo, o São Paulo venceu o Atlético-MG por 1 a 0, em partida disputada na noite desta terça-feira, pela 13ª rodada do Brasileiro, no estádio do Morumbi, e assumiu a liderança do Nacional.

A equipe são-paulina soma agora 24 pontos na tabela de classificação, contra 23 do Figueirense, mas pode ser ultrapassada pelo Palmeiras, que também tem 22 e recebe nesta quarta o Juventude.

Com a derrota, o Atlético manteve-se na 20ª colocação, com apenas 13 pontos, e pode terminar a rodada na zona de rebaixamento. O time pode ser ultrapassado por Flamengo e Corinthians, que jogam também na quarta.

A partida marcou o reencontro do lateral-direito Cicinho com seu ex-clube. O jogador, considerado um dos melhores do São Paulo nas últimas rodadas, não teve uma boa noite e acabou expulso, aos 38min da segunda etapa, quando fez falta dura em Rubens Cardoso.

No jogo desta terça, o técnico Cuca colocou apenas um atacante (Diego Tardelli) em campo. No segundo tempo, o treinador alterou o esquema com a entrada de Grafitte no lugar de Edcarlos e só assim conseguiu a vitória.

Com uma equipe pouco ofensiva, o São Paulo sentiu a falta de seu principal atacante, Luis Fabiano, que disputa a Copa América, no Peru, pela seleção brasileira.

A primeira chance do São Paulo aconteceu aos 16min, quando o zagueiro atleticano escorregou e bola sobrou para Diego Tardelli. O atacante serviu o meia Danilo, que, de pé esquerdo, chutou para fora.

Após pressão atleticana, a equipe do Morumbi voltou a ter boa chance aos 30min, quando Cicinho sofreu falta próxima à área. O goleiro Rogério Ceni cobrou e a bola saiu em tiro de meta.

Aos poucos, a equipe do técnico Cuca passou a comandar as ações no meio-campo. Aos 35min, Danilo recebeu na intermediária e, mesmo marcado por dois adversário, girou e obrigou o goleiro Eduardo a uma difícil defesa.

A melhor chance do time comandado por Cuca aconteceu aos 40min, quando, em boa triangulação do ataque são-paulino, a bola ficou com Fábio Simplício, que chutou fraco e permitiu a defesa do goleiro.

No segundo tempo, a produtividade ofensiva do São Paulo melhorou e, logo aos 10min, Grafitte levantou pelo lado direito e Danilo completou de cabeça para marcar o único gol. O meia levou uma cabeçada de Émerson no lance e teve de ser atendido pelos médicos logo após o lance.

Após o gol, a partida ficou marcada por uma cena curiosa. Aos 25min, Grafitte disputava bola com a defesa do Atlético e acabou atingindo o árbitro assistente Elson Passos, que foi atendido pelos médicos do São Paulo e do Atlético-MG.

Na próxima rodada, o São Paulo enfrenta o Santos, no sábado (10). O clássico será disputado na Vila Belmiro, na Baixada Santista.

O Atlético-MG encara o clássico contra o Cruzeiro, também no sábado, em jogo que será disputado no estádio do Mineirão.
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL 60 MIL MORTES
Brasil tem 1.456.969 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
ELEIÇÕES 2020
Câmara dos Deputados aprova em primeiro turno adiamento das eleições municipais de 2020
100 INTERMEDIÁRIO
Venda direta de etanol das usinas para postos pode aumentar concorrência, diz Bolsonaro
CICLONE BOMBA NO BRASIL
CICLONE BOMBA: Sobe para 10 o número de mortos no Sul do país, VEJA OS ESTRAGOS
FURIA DA NATUREZA
Ao menos nove pessoas morreram devido a ciclone que atingiu Região Sul
NOTÍCIA BOA - BORA COMPARTILHAR
Teste de vacina de COVID-19 funciona e Pfizer pode produzir 1 bi de doses
FÁTIMA DO SUL - INAUGURADO
Fátima do Sul é a escolhida para a 4ª Unidade do Posto Alvorada que comemora 20 anos de sucesso
COVID-19
Brasil tem 1.409.693 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
TORMENTA
Tempestade e ventos fortes causam destruição em cidade: “Parece filme de terror”
DIDI
Renato Aragão deixa a Globo, após 44 anos