Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 24 de outubro de 2021
Busca
Brasil

São Paulo vence nos pênaltis e chega à semifinal

20 Jul 2006 - 07h54
O São Paulo avançou à final da Copa Libertadores, nesta quarta-feira, no Morumbi, ao vencer o Estudiantes de La Plata por 4 a 3 na disputa por pênaltis. No tempo normal, a equipe tricolor devolveu aos argentinos a derrota por 1 a 0 sofrida no jogo de ida, disputado antes da Copa do Mundo.

Com o resultado, o time comandado por Muricy Ramalho se garantiu entre as quatro melhores da competição. Por uma vaga na decisão, mede forças com o vencedor do duelo entre Chivas Guadalajara (MEX) e Vélez Sarsfield (ARG), a partir da próxima semana.

O São Paulo tomou a iniciativa desde o início da partida e teve na movimentação de seu ataque, que tinha Leandro em noite inspirada, sua maior virtude. Sofreu, no entanto, com os erros na saída de bola de seus zagueiros, que freqüentemente criavam problemas para Rogério Ceni.

Ricardo Oliveira e Souza tiveram as melhores chances para abrir o placar, mas o zero permaneceu no marcador até os 43min. Foi nesse minuto que Júnior cobrou falta da esquerda, Leandro escorou no primeiro pau e Edcarlos apareceu no segundo para completar de pé esquerdo.

Na etapa final, os são-paulinos seguiram no ataque para evitar a disputa por pênaltis, enquanto os argentinos se defenderam e apostaram nos contra-ataques. Muricy Ramalho trocou Leandro, contundido, por Thiago, mas o 1 a 0 foi mantido até o final dos 90 minutos.

A vaga na semifinal, então, foi mesmo decidida nos tiros da marca penal. Cada equipe acertou três cobranças até que Danilo teve o chute espalmado por Herrera. Na seqüência, Rogério Ceni defendeu o arremate de Alayes e viu Júnior balançar a rede. Último a bater, Carrusca mandou à esquerda e assistiu à festa dos torcedores tricolores, que invadiram o gramado do Morumbi.

O jogo

O São Paulo começou a partida nervoso, errando muitos passes, principalmente no ataque. Isso fez com que os argentinos ficassem mais tempo com a bola nos pés, durante quase toda a etapa inicial, segurando o resultado que garantia sua classificação para as semifinais.

Mesmo não fazendo uma boa partida, o time da casa terminou a primeira etapa vencendo. Aos 43min, Leandro sofreu falta infantil na lateral esquerda. Júnior cruzou, e a bola caiu no pé esquerdo de Edcarlos, que bateu de pé esquerdo para fazer 1 a 0.

No começo do segundo tempo, a partida parecia que iria continuar como no primeiro. Mesmo perdendo, o Estudiantes continuou tocando a bola no ataque. Mas a partir dos 9min, o São Paulo passou a dominar um pouco mais a partida e criar boas chances.

Nas melhores delas, aos 31min e 32min, os atacantes Thiago e Ricardo Oliveira desperdiçaram o gol que classificaria o time. A partir daí, os dois times adotaram uma cautela ainda maior, afinal um gol sofrido poderia ser o fim da trajetória na competição sul-americana.

Fim de jogo, e começou o drama dos pênaltis. Ricardo Oliveira, Rogério Ceni, Fabão e Júnior fizeram para o São Paulo. Calderón, Cominges, Lugüercio fizeram para o Estudiantes. Danilo, Alayes e Carrusca desperdiçaram suas cobranças.

 

Terra Redação

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA