Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 20 de outubro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

São Paulo inscreve Dagoberto e Hernanes para pegar o Grêmio

27 Abr 2007 - 15h03
O São Paulo anunciou nesta sexta-feira que o recém-contratado atacante Dagoberto e o meia Hernanes foram inscritos para a segunda fase da Taça Libertadores.

Dagoberto vai ficar com a vaga de Alex, que foi emprestado ao Botafogo, e usará a camisa 25 na competição. Hernanes usará a camisa 12, que era de Maurinho, lesionado.

O técnico Muricy Ramalho ainda tem direito de fazer mais uma substituição, já que o regulamento permite a troca de três jogadores. O prazo é 48h antes de cada fase, até a semifinal.

Na primeira rodada dos mata-matas, o time do Morumbi pega o Grêmio. O jogo de ida das oitavas-de-final está marcado para a próxima quarta-feira, em São Paulo.

Apesar de ter que decidir a vaga em Porto Alegre, o ala-esquerdo Júnior diz não ver desvantagem. "A ordem para mim é indiferente. Não adianta jogar a segunda em casa e tomar uma goleada no primeiro jogo", disse o jogador, que usou como exemplos jogos da equipe na Libertadores de 2005.

"Contra o Tigres, nas quartas, e contra o River, na semifinal, jogamos a primeira no Morumbi e conseguimos avançar após duas boas vitórias", destacou.

"Temos que conseguir um bom resultado dentro de casa e de preferência, sem tomar nenhum gol", completou.

 

 

Folha Online


Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Luan Santana e Jade Magalhães terminam noivado de 12 anos
CORONAVIRUS NOS ANIMAIS
Gato é o primeiro animal no Brasil que testa positivo para o Coronavirus
ABSURDO
Enfermeiros, fisioterapeuta e médico são afastados após denúncia de estupro na UTI
BRASIL - 153.905 MORTES
Brasil registra 10,9 mil novos casos de covid-19 em 24 horas
AUXILIO EMERGENCIAL
Caixa paga hoje auxílio emergencial de R$ 300 a 1,6 milhão do Bolsa Família
BRASILEIRÃO
Com possível 'adeus' de Soteldo, Santos vence o Coritiba fora de casa
HORÁRIO DE VERÃO
HORÁRIO DE VERÃO: Brasil não terá horário de verão pelo segundo ano consecutivo
GOVERNO NA CONTRA-MÃO
Bolsonaro: Vacina contra a covid-19 não será obrigatória
BRASIL -152.460 MORTES
Covid-19: Brasil tem 713 óbitos e 28.523 novos casos em 24h
INSS - BLOQUEIO
INSS prorroga interrupção de bloqueio de benefícios