Menu
SADER_FULL
sábado, 25 de setembro de 2021
Busca
Brasil

São Paulo espera STJD para escalar o time contra o Goiás

26 Nov 2009 - 09h18Por Folha Online

A escalação do São Paulo, que enfrentará o Goiás no domingo, em Goiânia, não dependerá apenas das escolhas de Ricardo Gomes, mas principalmente dos julgamentos de Borges, Dagoberto e Jean, hoje, no STJD.

Há uma semana, os três jogadores, expulsos no duelo contra o Grêmio, foram condenados pela terceira comissão disciplinar do tribunal a três partidas de suspensão cada um.

O departamento jurídico do São Paulo entrou com recurso contra a decisão e, hoje, o lateral-direito e os atacantes serão julgados pelo pleno --a segunda instância do STJD--, que proferirá a sentença definitiva.

Se for mantida a decisão da comissão disciplinar, os três atletas não poderão enfrentar o Goiás. O problema é que o time do Morumbi já tem desfalques certos: Miranda e Richarlyson, que estão suspensos.

O São Paulo espera ao menos a liberação de Jean, que foi condenado por "ato desleal" --uma infração com penas mais amenas--, mas recebeu a mesma suspensão de Dagoberto, punido por "jogada violenta", e Borges, acusado de agressão e condenado por "ato hostil".

"Se as coisas ocorrerem naturalmente, teremos os jogadores de volta. Pelo menos o Jean, o único jogador em todo o Brasileiro que foi condenado à pena máxima por ato desleal", declarou Ricardo Gomes.

O clube tricolor também se esforça para que a suspensão de Dagoberto seja reduzida, enquanto considera a pena de Borges irreversível --até o atacante comemorou sua condenação por apenas três jogos.

O julgamento dos três atletas não será o único que o São Paulo será protagonista hoje.

Na pauta do pleno do STJD também consta o julgamento da perda de mando de campo do time do Morumbi na última rodada do Brasileiro, contra o Sport, em 6 de dezembro.

Pela decisão em primeira instância, o São Paulo foi condenado a não jogar no Morumbi porque um torcedor invadiu o gramado do estádio durante o duelo contra o Internacional, no final de outubro.

Na semana passada, uma liminar permitiu ao clube seguir vendendo ingressos para o último jogo do time na temporada.

O diretor de futebol do São Paulo, João Paulo de Jesus Lopes, disse que, caso persista a pena, o jogo será realizado no interior paulista. A tendência é que ocorra no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, cuja capacidade é de 40 mil pessoas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ROTA BIOCEÂNICA
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
CASTELO DE AREIA
Idoso casa com prostituta 35 anos mais nova e flagra com outro
DOENÇA DO SÉCULO
Servidor público é encontrado pendurado em árvore
COVID-19
Ministra de Bolsonaro testa positivo para Covid e cancela agenda em Nova Andradina
ASSUSTADOR
Homem encontra boneca na parede com bilhete misterioso: "obrigada por me libertar"
VIDEOS VAZADOS
Torcedora do flamengo esquenta a web com vídeos íntimos
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra em 24 horas 36.473 novos casos e 876 novas mortes
REVOLTANTE
Criança autista vítima de maus tratos é encontrada comendo fezes de cachorro para sobreviver
HOMICIDIO X SUICÍDIO
Marido mata esposa e tira própria vida; criança de 3 anos pede socorro a vizinho
NEGLIGÊNCIA
Criança de 2 anos ao volante mata prima de 3 anos atropelada