Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 17 de janeiro de 2021
Busca
Brasil

Santos vence Once Caldas e decide vaga na Libertadores no Pacaembu

12 Mai 2011 - 07h08Por Folha

Com um gol de Alan Patrick, substituto de Ganso, contundido, o Santos derrotou o Once Caldas nesta quarta-feira, por 1 a 0, na Colômbia, pela partida de ida das quartas de final da Taça Libertadores.

No jogo de volta, marcado para a próxima quarta-feira, no estádio do Pacaembu, o time brasileiro joga pelo empate para avançar à semifinal. Se o Once Caldas vencer por 1 a 0, a decisão vai para os pênaltis.

O Santos mostrou personalidade na Colômbia: impôs o seu futebol, marcou firme no meio de campo e só foi sofrer pressão no fim da partida. Alan Patrick, escalado como titular na vaga de Ganso, garantiu o triunfo com um gol aos 42min da primeira etapa, após passe de Neymar, que deixou o campo sentindo uma contusão.

 

  Fernando Vergara/Associated Press  
Alan Patrick (esq.) tenta uma jogada para o Santos na partida contra o Once Caldas, na Colômbia
Alan Patrick (esq.) tenta uma jogada para o Santos na partida contra o Once Caldas, na Colômbia

Mas é bom a equipe de Muricy Ramalho ficar esperta no jogo de volta, porque o Once Caldas eliminou o Cruzeiro nas oitavas de final depois de perder a primeira partida em casa e virar o duelo em Minas.

Antes do confronto, porém, o Santos tem a decisão do Campeonato Paulista contra o Corinthians, no domingo, na Vila Belmiro. Uma vitória simples garante o título ao time da Baixada Santista.

O JOGO

Mesmo jogando fora de casa, o Santos não se preocupou apenas em se defender. Muricy Ramalho mandou o time para frente, com uma marcação adiantada, para pressionar a saída de bola do adversário. A tática deu certo.

O Once Caldas conseguiu apenas uma chance clara de gol no primeiro tempo. Foi aos 5min, quando Rentería cabeceou livre de marcação na área, mas mandou para fora. Depois disso, o time colombiano caiu na arapuca armada por Muricy.

Sem espaço para sair, a equipe da casa viu o Santos dominar a partida. Aos 6min, Neymar ficou cara a cara com o goleiro Martínez, mas perdeu uma grande oportunidade para abrir o placar. Sem Ganso, o time brasileiro teve dificuldades na criação, mas manteve o jogo em suas mãos.

Aos 42min, finalmente o gol. Neymar assumiu o papel de garçom e deu ótima assistência para Alan Patrick que, livre na entrada da área, avançou e tocou na saída de Martínez. Inteligente, o Santos não mudou de postura depois do intervalo.

Continuou a pressionar a saída de bola do adversário, administrou a posse e passou a contar com maior participação de Neymar. O atacante desequilibrou, fez boas jogadas, com velocidade, e fez o adversário apelar para as faltas. Em uma delas, Calle foi expulso e deixou o time colombiano com um jogador menos.

A equipe de Muricy teve mais liberdade para atacar, sobretudo quando o adversário decidiu sair com tudo para o ataque em busca do empate. Apesar de uma tímida pressão, não teve forças para passar pela defesa formada por Edu Dracena e Durval. O Santos está a um passo da semifinal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DEU RUIM
Jovem é atingido por raio enquanto usava celular no banheiro
PROVA DO ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
SAIU O EDITAL
Com salário de até R$ 23,6 mil, Polícia Federal abre inscrição em concurso no dia 22
DESESPERO EM MANAUS
Médicos e familiares de pacientes descrevem colapso com falta de oxigênio em Manaus; leia relatos
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa libera saque da última parcela do auxílio emergencial a aniversariantes em julho
HORROR NA NOITE
Crianças são encontradas chorando ao lado de corpos de pais assassinados
DOR E DESCASO
Filho é obrigado abrir cova para enterrar próprio pai por não encontrar coveiro em cemitério
SEUS DIREITOS
Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS
COM DESCONTOS
Veja as opções de pagamento do IPVA com desconto
CASA PRÓPRIA
Casa Verde e Amarela substitui Minha Casa Minha Vida com opção para renegociar dívidas e menos juros