Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 2 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Receita intima 35 mil empresas com débitos no Simples nesta 4ª

15 Set 2010 - 10h50Por Agência Brasil

Nesta quarta-feira (15), a Receita Federal envia intimações para 35 mil contribuintes em dívida com o Simples Nacional.

O regime permite pagamento de forma simplificada e em melhores condições de vários tributos federais, estaduais e municipais de pequenas e médias empresas.

Atualmente, existem 4 milhões de contribuintes com esse tipo de vantagem, e cerca de 560 mil estão inadimplentes.

Referentes a 2007 e 2008, os débitos totalizam R$ 4,5 bilhões. As 35 mil empresas intimadas na quarta-feira respondem por R$ 2,5 bilhões da dívida, sendo 78% referentes aos tributos nacionais como o Imposto de Renda Pessoa Jurídica, a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido e o PIS/Pasep.

A exclusão dos 35 mil contribuintes terá efeito a partir de 1º de janeiro de 2011, mas a quitação do débito a tempo permite que a empresa continue no regime. A legislação não permite o parcelamento das dívidas.

Além dos intimados, os outros 525 mil com pagamento de impostos atrasado podem acessar a página do Simples Nacional na internet para resolver as pendências com o Fisco e evitar a notificação futura.

O sistema emite boleto e faz a correção da dívida, incluindo os juros, sem que o contribuinte precise comparece à Receita Federal.

Cada intimação significa o risco de exclusão do Simples Nacional no exercício seguinte.

Segundo o coordenador-geral de Arrecadação e Cobrança da Receita Federal, Marcelo Lins, as 525 mil empresas inadimplentes serão excluídas nos próximos lotes caso não normalizem o pagamento.

Os excluídos passarão a recolher o Imposto de Renda Pessoa Jurídica como qualquer contribuinte.

"O interesse da Receita não é promover a exclusão. Mas a Receita acha que, se o contribuinte não consegue pagar o Simples, muito menos conseguirá pagar o sistema normal de tributação.

Então, é importante que o contribuinte faça o pagamento e se mantenha no sistema.”

Quanto mais cedo o devedor quitar o débito, melhor, porque a correção é feita com base na taxa básica de juros (Selic) a partir do mês de competência do tributo

Deixe seu Comentário

Leia Também

COISA MEDONHA
Homem quebra túmulo e é visto dançando com o corpo da avó
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Exército abre seleção com vagas temporárias para MS e salários de até R$ 7,5 mil
FÁTIMA DO SUL - NOSSOS ANJOS DA GUARDA
Guerreiros de Fátima do Sul fazem semana de prevenção contra incêndio, hoje é dia do BOMBEIRO
BRASIL 60 MIL MORTES
Brasil tem 1.456.969 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h
ELEIÇÕES 2020
Câmara dos Deputados aprova em primeiro turno adiamento das eleições municipais de 2020
100 INTERMEDIÁRIO
Venda direta de etanol das usinas para postos pode aumentar concorrência, diz Bolsonaro
CICLONE BOMBA NO BRASIL
CICLONE BOMBA: Sobe para 10 o número de mortos no Sul do país, VEJA OS ESTRAGOS
FURIA DA NATUREZA
Ao menos nove pessoas morreram devido a ciclone que atingiu Região Sul
NOTÍCIA BOA - BORA COMPARTILHAR
Teste de vacina de COVID-19 funciona e Pfizer pode produzir 1 bi de doses
FÁTIMA DO SUL - INAUGURADO
Fátima do Sul é a escolhida para a 4ª Unidade do Posto Alvorada que comemora 20 anos de sucesso