Menu
SADER_FULL
terça, 26 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Quase 90% dos domicílios não têm rede de esgoto em MS

10 Jul 2006 - 16h39

O esgotamento sanitário de Mato Grosso do Sul é mais precário do Brasil, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Quase 90% das residências do Estado não apresentam rede de esgoto adequada. Em 2004, eram 638.838 domicílios, sendo 55.837 ligados ao circuito coletor, 18.507 com fossa séptica e - o maior número - 564.494 com esgoto rudimentar (fossa negra, poço ou buraco).

Em 2002 o Estado estava em 9º lugar em internações hospitalares por doenças relacionadas a falta de tubulação adequada. A carência do serviço na maior parte dos bairros da Capital causa ainda inundações, buracos no asfalto, acumulação de lixo, aparecimento de ratos e baratas e doenças como diarréias, febres entéricas, hepatite, dengue, febre amarela, leishmaniose, malária, doença de chagas; esquistossomose e lepstospirose. A cada 100 mil habitantes, 553 foram internados por esses problemas.

Segundo a pesquisadora em tecnologias ambientais, Paula Loureiro Paulo, a precariedade do sistema sanitário do Estado é resultado da falta de recursos destinados ao setor. “Campo Grande ainda recebe investimentos, mas o Estado tem dificuldades para disponibilizar obras diretas”, explica. Ela ainda afirma que não adianta, apenas, ter rede de esgoto quando não há um tratamento adequado depois. Nestes casos o problema é transferido para outro local.

Para os moradores do bairro Vila Carlota, José Fernando, de 36 anos e Rosane Silva Ramos, 40 anos, a situação da Rua Planalto, por exemplo, em tempo de chuva, é calamitosa. Eles contam que a água acumula formando um rio em frente das casas. “Como não temos esgoto a água fica parada e as crianças começam a ficar doentes. Isto acontece direto”, argumenta Rosane.

A presidente do bairro Aero Rancho, Maria Bezerra de Lima, de 62 anos, ressalta que mais de 13 mil pessoas estão sem rede de esgoto na região. “Pagamos impostos e não temos qualidade no saneamento. A água fica parada. Estes dias uma senhora de 62 anos pegou dengue hemorrágica!”, lembra. Ela inda reclama que a prefeitura tem feito o asfalto, mas não tem construído o esgoto, deixando a população ainda mais descontente.

 

TV Morena

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Amem o estrangeiro
LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS