Menu
SADER_FULL
terça, 21 de setembro de 2021
Busca
Brasil

Puccinelli frustra negociações de Nelsinho e diz que vaga do senado é de Simone

6 Set 2013 - 13h12Por Mídia Max

Após declarações do governador André Puccinelli (PMDB) de que a vice-governadora Simone Tebet (PMDB) será candidata, o chefe do executivo estadual pontuou que ela saíra ao senado. A firmação frustra os planos do pré-candidato do PMDB, Nelsinho Trad, que já havia colocado a vaga à disposição para atrair apoio de outros partidos.

O governador disse na manhã desta sexta-feira (6) que jamais abandonou Simone e negou que dará um ‘bico’ nela nas eleições 2014. Simone é filha do ex-senador Ramez Tebet, padrinho político de Puccinelli.

Segundo o governador a vaga de senado não será negociada e Simone é a candidata ao cargo. “O PMDB não vai negociar a vaga”, salientou.

Com a declaração, Puccinelli frustra os planos de Nelsinho para atrair apoiadores a sua candidatura, com um espaço a menos para possíveis aliados.

Simone sempre manifestou intenção em concorrer ao cargo de governadora e tem dito que apenas a vaga no senado justificaria deixar a família em MS. Caso contrário, ficaria sem mandato. Assim, Nelsinho tem um ponto a menos para atrair simpatizantes ao seu nome para a vaga que será aberta com a saída de Puccinelli.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NEGLIGÊNCIA
Criança de 2 anos ao volante mata prima de 3 anos atropelada
CARROS SEMINOVOS
Como fazer uma boa escolha de veículos seminovos
LUTO NA TV
Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos, vítima de câncer
EM DECLINIO
Covid-19: Brasil registra 21,2 milhões de casos e 590,7 mil mortes
TSUNAMI NO BRASIL?
Brasil pode ser atingido por tsunami; entenda
SERPENTE
Rapaz de 18 anos é atacado por jararaca durante pescaria
TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche