Menu
SADER_FULL
segunda, 6 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

PSDB também ameaça obstruir votações da semana na Câmara

24 Ago 2004 - 13h35
A Bancada do PSDB ameaça não votar nenhuma matéria durante o esforço concentrado do Congresso Nacional. A obstrução é uma resposta à decisão do PT de entrar com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE). O PT quer que o senador explique a suposta declaração que teria feito sobre o atual tesoureiro do partido, Delúbio Soares, e que chegou a ser publicada em jornais de grande circulação. O senador teria dito que, se o projeto que cria as Parcerias Público-Privadas (PPP) não fosse alterado, o tesoureiro do PT iria "deitar e rolar".

Apoio para obstruir
O PFL também promete obstruir as votações, mas por outros motivos. Segundo o vice-líder do partido, deputado Pauderney Avelino (AM), a bancada vai entrar em obstrução em protesto contra a aprovação da Medida Provisória 190/04, que permitiu o adiamento da prestação da dívida de prefeituras de grandes capitais.
 
 
 
Agência Câmara

Deixe seu Comentário

Leia Também

TERMPESTADE
Região sul deve ser atingida por outro fenômeno menos devastador que o Ciclone Bomba
LIVE
Mulher de Fábio Porchat aparece pelada em live com Guilherme Boulos
VITIMA DA COVID 19
Antes de morrer de covid-19, jovem manda áudio: ‘Vão desligar os aparelhos’
BRASIL - 64.265 MORTES
Brasil tem 1.577.004 casos de covid-19 diagnosticados
ELEIÇÃO MUNICIPAL 2020
Campanha eleitoral de 2020 deve ser proibido comícios e aglomerações
MORTES POR COVI-19
Mãe e filha morrem vítimas da Covid-19 em intervalo de três dias
PREVENÇÃO COVID 19
Giovanna Antonelli viraliza ao mostrar truque para evitar contaminação
FEMINICÍDIO
Marido é preso após matar mulher asfixiada e na fuga causa acidente de carro e deixa 08 feridos
BORA PRA BONITO - MS - REABERTO
Hotel Águas de Bonito reabre com segurança e estrutura proporcionada para o aconchego em Bonito (MS)
BRASIL - 62.045 MORTES
Brasil passa de 62 mil mortes pelo novo coronavírus