Menu
SADER_FULL
domingo, 9 de agosto de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER ECO TOUR
Brasil

Protesto pára escola no distrito de Panambi

12 Mar 2007 - 13h25
Cerca de 200 pessoas estão neste momento em frente a Escola Estadual Dom Aquino Corrêa, no distrito de Panambi , distante cerca de 20 quilômetros do centro de Dourados. O protesto é contra a volta do sistema multisseriado, onde alunos de várias séries estudam todos juntos na mesma sala de aula. Esta prática acabou há quase 40 anos e foi reintroduzida no Estado pela Secretaria de Educação, a mando do atual governo.
O governador André Puccinelli (PMDB) determinou o cumprimento da portaria 2072 de dezembro de 2006, de que as escolas estaduais devem ter no mínimo 25 alunos por sala. Abaixo desse número, as séries devem se juntar. Mas a mesma portaria esclarece que esse critério não pode ser usado para escolas isoladas, como é o caso de Panambi, onde a Dom Aquino é única escola entre três municípios num raio de 20 quilômetros longe de Dourados, Douradina e Itaporã.
Participam do protesto estudantes, pais, professores e membros da comunidade local, que entendem como um atraso a volta deste tipo de ensino. "Se em muitos casos já existem dificuldades de aprendizagem, imaginem os alunos de diversas séries todos juntos numa mesma sala. Os professores não terão condições de garantir um bom aprendizado", afirma Nilza Paula, mãe de dois alunos que estudam na Dom Aquino.
Atualmente a escola do Panambi tem em torno de 130 alunos matriculados em todas as séries e funciona nos três períodos. O diretor do estabelecimento é o professor Odair Marques Rosa, que acompanha a manifestação. A professora Sheila Cristina Vendramini, superintendente de apoio educacional da Secretaria de Educação de MS, que foi quem determinou a nova decisão, também está sendo chamada a explicar a situação às centenas de pessoas que protestam contra a medida.
 
 
 
 
 
Dourados News

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Entenda como o Paraguai tem 66 mortes por Covid-19 e o que MS deveria aprender
AUXILIO EMERGENCIAL
Apesar da falta de recursos, governo avalia prorrogar Auxílio Emergencial
OPORTUNIDADE NO MS
JBS oferece 600 vagas de emprego em 6 cidades de MS
VACINA COVID 19
Bolsonaro diz que vacina contra covid deverá estar disponível em dezembro
FALSIFICAÇÃO
Nota falsa de R$ 200 começa a circular
REABERTURA DO COMÉRCIO
Brasil e Paraguai podem reabrir comércio na fronteira em 10 dias, diz ministro
REINFECÇÃO EM ALERTA
Novo coronavírus tem segundas novas ondas de reinfecção e acendem sinal de alerta
FÁTIMA DO SUL - DICA CIA DO BICHO
Saiba o que são rações terapêuticas, Cia do Bicho destaca vários tipos, confira
BRASIL - 96.326 MORTES
Brasil tem 2.817.473 casos de Covid-19, indica consórcio de veículos da imprensa em boletim das 13h
EXPLOSÃO EM BEIRUTE
Libanês se emociona e diz: Parecia uma bomba atômica, que acabou com tudo