Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 21 de junho de 2021
Busca
Brasil

Projovem Trabalhador já destina 55% de vagas a adolescentes

29 Jan 2010 - 15h06Por MS Notícias

O Programa Projovem Trabalhador já superou a meta de ofertas no mercado de trabalho em Campo Grande. Segundo o diretor-presidente da Fundação Estadual do Trabalho (Funtrab), Cícero Ávila, a iniciativa do governo do Estado, através da Secretaria de Trabalho e Assistência Social (Setas), tinha uma meta de encaminhar pelo menos 30% dos jovens do programa para o mercado de trabalho. “Hoje só na Capital, o Projovem Trabalhador já disponibiliza de cerca de 55% de vagas ofertadas, só aguardando o jovem concluir o curso de capacitação”, afirma Cícero.

A confirmação da parceria do governo do Estado com o setor privado para a geração de desenvolvimento econômico, através da criação de empregos, aconteceu na manhã desta sexta-feira (29), no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, durante o 1º Encontro Projovem e Empresários. O evento reuniu o governador André Puccinelli, a secretária Tânia Garib, da Setas, e o diretor-presidente da Funtrab, Cícero Ávila, com empresários que assinaram um termo de cooperação para disponibilizar a oferta de emprego para os jovens profissionais do programa.

“A partir desta reunião, e com o apoio do governador André Puccinelli, que sensibilizou vários empresários do Estado, a meta é que o número de vagas oferecidas para estes jovens do programa suba de 55% para 80%”, ressalta o diretor-presidente da Funtrab. Segundo Cícero, a demanda de empresas que buscam mão-de-obra do Projovem Trabalhador vem crescendo, visto que o setor industrial necessita de profissionais qualificados para ocupar as vagas. “É isso que o Projovem promove: a qualificação dos jovens, para que eles conquistem o seu lugar no mercado de trabalho e também atendam a demanda das empresas que buscam esta mão-de-obra capaz”, salienta.

O programa, que recebe investimentos do governo federal, atende 5,5 mil jovens em todo Mato Grosso do Sul. Em Campo Grande, 1.450 jovens fazem parte do Projovem Trabalhador, que qualifica para o mercado de trabalho e contribui com uma bolsa de R$ 100 mensais para os adolescentes.

Empresas



Entre as empresas que aderiram ao programa durante o encontro, o destaque é para o setor de vestuário, que vai contratar 600 jovens do programa. “O setor tem uma demanda de 2,3 mil empregos, mas para isso precisamos de mão-de-obra qualificada e estes 600 jovens que estão sendo profissionalizados pelo programa já serão encaminhados para o trabalho porque já estarão prontos”, afirma o presidente do Sindicato da Indústria de Vestuário e Têxtil de Mato Grosso do Sul (Sindivest), José Francisco Veloso (foto), diretor-secretário da Federação das Indústrias do Estado (Fiems).

“O Projovem Trabalhador surge como uma alternativa bastante positiva para esses futuros profissionais porque o programa mostra para eles como funciona a estrutura industrial”, observa Veloso.

Para o empresário Gilberto Romanato, da Universo Íntimo Indústria e Comércio de Vestuário, o programa atende a uma das maiores necessidades do setor que é a falta de mão-de-obra qualificada. Gilberto representa a empresa que mais vai contratar jovens do programa. Das 600 vagas ofertadas no setor industrial, a Universo Íntimo vai contratar 500 profissionais. “A parceria mostra que o Estado está se desenvolvendo no setor industrial, não focado somente no setor agrícola”, afirma Romanato.

Em Sidrolândia, uma das parceiras do Projovem é a Seara, indústria de alimentos. Com o termo de cooperação, a empresa que tem uma demanda de 40 contratações mensais, se compromete a priorizar os jovens do programa para ocupar as vagas disponibilizadas na empresa. Também no município, o Projovem Trabalhador está conveniado com o Supermercado Nandas. A empresa deve oferecer dez vagas para os jovens do programa.

“A parceria insere o jovem no mercado de trabalho e estamos felizes por serem trabalhadores qualificados. A iniciativa coloca esses jovens em um caminho melhor, que é o do trabalho”, afirma a empresária Cleres Rosani Suckow Cristaldo, representante do supermercado parceiro do Projovem.

Oportunidade


A jovem Ana Lúcia Arguelho, de 27 anos, viu no Projovem Trabalhador a oportunidade para crescer profissionalmente. “O programa contribui muito para a qualificação profissional. Também a partir dele já penso em montar meu próprio negócio, uma cooperativa com as meninas que estão no curso comigo”, diz Ana Lúcia, que há três meses faz o curso de joalheria do Projovem Trabalhador.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Policial
Criança de 6 anos sofre trauma de crânio após cair de atração no Beto Carrero World
DOSE ÚNICA
Avião com 1,5 milhão de doses da Janssen chega amanhã, diz ministro
REAÇÃO CERTEIRA
Mulher flagra filha sofrendo estupro e esfaqueia pedófilo
VIOLENCIA DOMESTICA
Menina de 12 anos furta bisavô e leva 10 chibatadas da mãe por ordem do CV
MILIONÁRIO
Aposta única fatura prêmio de R$ 7 milhões da Mega-Sena
AUXILIO POPULAÇÃO
Caixa paga hoje 3ª parcela do auxílio emergencial para nascidos em março
LUTO NA MÚSICA
Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19 após ter os pulmões comprometidos
VIDEO
Cliente carrega mangueira sem perceber e bomba pega fogo em posto de combustível de Foz do Iguaçu
AÇÕES DO GOVERNO MS
Reinaldo Azambuja propõe projeto com Itaipu para combater assoreamento nos rios Iguatemi e Amambai
COPA X VIRUS
'Desse jeito, o vírus vai levantar a taça', diz deputado após 52 infectados na Copa América