Menu
SADER_FULL
terça, 18 de maio de 2021
SADER_FULL
Busca
Brasil

Programa Universidade para Todos oferece 80 mil bolsas

2 Dez 2004 - 14h50
Quem participou do Enem poderá se inscrever no Programa Universidade para Todos (ProUni), do Ministério da Educação. São cerca de 80 mil bolsas de estudo para estudantes de baixa renda em instituições de ensino superior de todo o Brasil.

Além de ter participado do Enem, o candidato à bolsa do ProUni necessita também apresentar renda familiar per capita de até três salários mínimos e obedecer a um dos seguintes critérios: ter cursado o ensino médio completo em escola pública; ter cursado o ensino médio completo, com bolsa integral, em instituição privada; ser portador de necessidades especiais.

Professores da rede pública de educação básica também podem se candidatar às bolsas. Para isso é preciso estar em exercício, integrar o quadro de pessoal permanente da instituição e buscar vaga em curso de licenciatura ou de Pedagogia. Neste caso, a apresentação de renda familiar per capita de até três salários mínimos não é necessária. Mais informações sobre o ProUni pelo telefone: 0800 616161, ou no site do MEC: www.mec.gov.br .
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA NO HARAS
Vaqueiro morre ao ser arrastado por boi durante vaquejada, em Paranatama; veja vídeo
Foto: Divulgação/Instagram LUTO NA MÚSICA
MC Kevin morre aos 23 anos no Rio de Janeiro
SONHO INTERROMPIDO
Agente educacional morta em ataque a creche em Saudades queria fazer intercâmbio no Canadá
PESQUISA PRESIDENCIAL
Datafolha mostra Lula disparado na corrida eleitoral
NOVA INFECÇÃO
Covid-19: após 3 semanas de queda, casos de coronavírus avançam no Brasil puxados por 9 Estados
TRISTEZA NA FAMILIA
Seis pessoas da mesma familia morrem vítimas da Covid-19
NOVAS REGRAS
WhatsApp: o que acontece se você não aceitar novas regras do aplicativo até 15 de maio
FAMOSIDADES
Pai da campeã do 'BBB 21' Juliette vive em casinha de barro na Paraíba
CACHAÇA
Jovem enfia garrafa no ânus durante bebedeira e vai parar no hospital
ESCALADA DA VIOLÊNCIA
Operação mais letal da história deixa 25 mortos no Jacarezinho