Menu
SADER_FULL
segunda, 20 de setembro de 2021
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
Brasil

Professores da UFGD têm projetos aprovados pelo CNPq

18 Nov 2009 - 17h32Por Fátima News, com Assessoria

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) aprovou projetos de sete professores da UFGD em Edital publicado em seu site na segunda-feira, 16 de novembro. O objetivo do Edital é apoiar projetos de pesquisa científica e tecnológica que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico do País, em qualquer área do conhecimento. Os projetos estão enquadrados na categoria “A” do CNPq, o que significa um subsídio de até 20 mil reais para suas execuções. Confira abaixo o nome dos professores da UFGD com projetos selecionados e o link do Edital:

 

 

 

Anderson Rodrigues Lima Caíres;

 

Claudelino Martins Dias Júnior;

 

Edvaldo Cesar Moretti;

 

Erlaine Binotto;

 

Euclides Reuter de Oliveira;

 

Rafael Henrique de Tonissi e Buschinelli de Goes; e

 

Rodrigo Garófallo Garcia.

 

 

 

Edital mctp/CNPq nº 14/2009 Universal:

 

http://efomento.cnpq.br/efomento/divulgacao/divulgacaoResultados.do?metodo=propostas&codigoLinhaFomento=338&seqChamada=1&codigoPeriodoSubmissao=915

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO NA TV
Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos, vítima de câncer
EM DECLINIO
Covid-19: Brasil registra 21,2 milhões de casos e 590,7 mil mortes
TSUNAMI NO BRASIL?
Brasil pode ser atingido por tsunami; entenda
SERPENTE
Rapaz de 18 anos é atacado por jararaca durante pescaria
TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche
CEF de Fátima do Sul OPORTUNIDADE
Caixa abre concurso com salários de mais de R$ 3 mil; confira
QUASE 600 MIL MORTES
Covid-19: mortes sobem para 588,5 mil e casos, para 21,03 milhões