Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 16 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
BANNER ECO TOUR
Brasil

Procuradoria quer cassação de candidatura de Dagoberto

25 Ago 2010 - 14h38Por Campo Grande News

Para a PRE (Procuradoria Regional Eleitoral) em Brasília, o deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT), deve ter o registro de candidatura ao Senado cassado, por ter condenações judiciais.

É o que consta de parecer emitido na semana passada pela PRE, no recurso movido no TSE (Tribunal Superior Eleitoral)pelos deputados estaduais Ary Rigo e Onevam de Matos contra a decisão do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) que manteve a candidatura.

A decisão do TRE foi em julgamento de representação de Rigo e Onevam impugnando a candidatura de Dagoberto, por ter ficha suja.

Agora, o processo aguarda o julgamento do pleno do TSE. O advogado responsável pelo recurso, Carlos Alberto Jesus Marques,acredita que a decisão do Tribunal Superior Eleitoral saia até a semana que vem.

Dagoberto tem condenações por improbidade administrativa no período em que foi secretário de Justiça e Segurança Pública e diretor-presidente do Detran (Departamento Estadual de Trânsito).

Deixe seu Comentário

Leia Também

DICAS AGÊNCIA ECO TOUR
Bonito (MS) também é turismo gastronômico!
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
O Boticário está com mais de 300 itens com descontos de até 60%, veja o catálogo em Fátima do Sul
COVID-19
Covid-19 e suas prováveis ‘heranças’ para a saúde dos recuperados
SAÚDE NA PANDEMIA
Técnicas de relaxamento para aliviar o estresse
CASSINO BRASIL
Para inspirar o cassino Brasil!
HOMEM PATETA
Polícia identifica menino de 12 como ‘Homem Pateta’, que sugere suicídio a crianças
BRASIL - 74.133 MORTES
Brasil tem 41,8 mil novos casos e 1.300 óbitos em 24h
FINAL CARIOCA
Transmissão da Final do carioca entre Flamengo e Fluminense no SBT vira meme
FATALIDADE
Instrutor de tiros morre após disparo acidental contra o próprio peito no dia do aniversário
TRUCULENCIA
'Achei que iria morrer sufocada como George Floyd', diz mulher negra que teve pescoço pisado por PM