Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 21 de setembro de 2021
Busca
Brasil

PRF apreende 36,1 mil metros cúbicos de madeira

2 Ago 2004 - 15h20
 

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) apreendeu, no quilômetro 734 da BR-163, no município de Coxim, 36,1 mil metros cúbicos de madeira serrada da espécie cambará que eram transportados pela carreta Iveco Fiat placa JZR-3028, de Cuiabá (MT), conduzido por Valdevino Valério, sem autorização do Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente). Conforme a PRF, a madeira era oriunda de Analândia do Norte, distrito de Marcelândia (MT), e tinha como destino a cidade de Bonito (MS).

O veículo havia desviado da barreira do Posto Fiscal de Sonora e, após minuciosa fiscalização, constatou-se que ele, além da sonegação fiscal, estava transportando 15,52 toneladas de peso em excesso. Da carga, 8 metros cúbicos de madeira estavam sem a autorização do Ibama, sendo que o responsável pagará multa de R$ 3.923,40 pelo peso excedente, de R$ 4.240,00 pela sonegação fiscal e de R$ 2.400,00 pelo crime contra o meio ambiente. O motorista ainda foi encaminhado para a PMA (Polícia Militar Ambiental) para autuação por estar transportando produto florestal sem a devida autorização legal. O veículo será liberado somente após o transbordo da carga excedente.

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO NA TV
Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos, vítima de câncer
EM DECLINIO
Covid-19: Brasil registra 21,2 milhões de casos e 590,7 mil mortes
TSUNAMI NO BRASIL?
Brasil pode ser atingido por tsunami; entenda
SERPENTE
Rapaz de 18 anos é atacado por jararaca durante pescaria
TRIBUNAL DO CRIME
Traficantes enterram mulher viva para vingar denúncia
TEMPESTADE
Temporal derruba árvore sobre carros e deixa bairros no escuro
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
COMOÇÃO E REVOLTA
Menina de 5 anos é morta com tiro na cabeça enquanto caminhava para comprar lanche
CEF de Fátima do Sul OPORTUNIDADE
Caixa abre concurso com salários de mais de R$ 3 mil; confira
QUASE 600 MIL MORTES
Covid-19: mortes sobem para 588,5 mil e casos, para 21,03 milhões