Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 13 de junho de 2021
Busca
Brasil

Previdência privada pode garantir melhor renda a aposentados

29 Dez 2009 - 15h53Por Conjuntura

Comprar imóveis, fazer aplicações e até mesmo adquirir uma previdência privada possibilita que o capital muitas vezes dobre de valor.

Isso é comprovado por especialistas que alegam que fazer investimentos a longo prazo é considerada a alternativa mais sólida para garantir uma renda extra.

E a realidade dos últimos anos mostra que os aposentados têm dificuldades em adquirir uma renda adequada que proporcione conforto e qualidade de vida.

De acordo com o presidente da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Campo Grande, Valdir de Miranda Ozório, 77 anos, 95% dos idosos associados à entidade vivem exclusivamente da aposentadoria do INSS.

“Na maioria dos casos, eles não têm condições financeiras de aderir a uma previdência privada, mas são orientados quanto a importância de ter uma renda extra”, destaca.

Atualmente, os aposentados filiados as associações e sindicatos de apoio à classe, possuem três projetos que aguardam votação na Câmara Federal de Deputados.

“Aguardamos ansiosos, estamos nessa briga faz tempo, precisamos nos garantir, ter uma renda que realmente condiz com a situação atual”, finaliza o presidente da associação.

O assessor de captação do SICREDI/MS (Sistema de Crédito Cooperativo), Marcus Vinicius Nogueira, explica que a previdência pública – INSS passa por uma série de dificuldades, o que causa incertezas diante dos direitos dos cidadãos como a aposentadoria.

"A população economicamente ativa está diminuindo e de idosos aumentando. Hoje, o INSS possui um déficit mensal muito grande, imagine isso daqui a 20 ou 30 anos”, destaca.

Ele ainda conta que especialistas projetam que no futuro, devido a estas dificuldades e às reformas previdenciárias que possam ocorrer no sistema de previdência pública, o INSS pague a seus beneficiários somente o valor de um salário mínimo.

Com essa preocupação, associados à cooperativa de crédito aderem a previdência. É o que aconteceu com o comerciante Anderson Bezerra Arriero, 29 anos, que há dois meses se associou e ao mesmo tempo aderiu ao serviço oferecido pela instituição.

“Não sei o dia de amanhã e para garantir, faço o investimento, para futuramente ter o benefício”, diz.

No caso do economista Massimo Henrique Notari, 43, a previdência privada foi uma alternativa adotada há sete anos, e que há pouco menos de dois meses fez a portabilidade para uma previdência privada. “Comparei os lucros e os benefícios, e percebi que compensava mais para mim, principalmente pelas taxas”, diz.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CÓDIGO DE TRÂNSITO
Mudanças no código de trânsito brasileiro e suas implicações para motoristas
ESPORTE PELO MUNDO
Em fase artilheira no Cazaquistão, lateral Bryan, ex-Cruzeiro, valoriza presença e relacionamento
FOTO: Só Notícias / Luan Cordeiro / ASSESSORIA COPA AMÉRICA 2021 - NO BRASIL
COPA AMÉRICA: Confira as 06 Seleções que jogarão na Arena Pantanal
biden vacinas capa 696x487 SOLIDARIEDADE
Biden anuncia que vai mandar vacinas para o Brasil e outros países
FENÔMENO RARO
Junho tem Eclipse Solar, Lua de Morango e dia mais longo do ano
PROTESTOS PELO BRASIL
29M pelo fora Bolsonaro chegou a mais de 200 cidades e ganhou as redes sociais
ATENTADO AO PUDOR
Prostitutas exibem partes íntimas no meio da rua, moradores reclamam, Vídeos
NA BRONCA
Bolsonaro aciona STF contra decretos estaduais que impõem restrições para conter Covid-19
BARBÁRIE
Homem encontra partes do corpo do filho em rio
FENÔMENO RARO
Super Lua de Sangue e Eclipse total acontece nesta quarta