Menu
SADER_FULL
terça, 14 de julho de 2020
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Preso indígena acusado de co-autoria em duplo homicídio

27 Jul 2004 - 17h54
O índio Ari Valdez, conhecido como “Caloi” foi preso no início da tarde pela Polícia Civil de Dourados, em uma Destilaria de álcool, no município de Naviraí. Ele está sendo acusado de ter ajudado Reginaldo Vilhaba, o “Cururu" a matar um casal de indígenas na Reserva Indígena de Dourados.

Segundo o delegado o delegado Oduvaldo Viana Pompeu, o crime foi por causa de ciúmes. A vítima teria tido um suposto relacionamento com a mulher de Reginaldo Vilhaba. Sérgio Cabreira, de 15 anos, e a tia dele, Silvia Gonçalves, de 20 anos, foram encontrados degolados na aldeia Bororó, na Reserva Indígena de Dourados, no dia 16 de julho.


Segundo o delegado Pompeu, o indígena Ari Valdez, não negou a co-autoria do crime.
 
RMT Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

VITIMA DA COVID 19
Cantor morre de covid-19 após sogro e sogra; esposa está em isolamento
CAOS NA SAUDE
MT está perdendo a guerra para o coronavírus; nós subestimamos a doença
TRAGEDIA NO CONDOMÍNIO
Adolescente que matou amiga treina tiro esportiva há 3 anos com o pai
VIOLENCIA DOMESTICA
Mulher tem rosto desfigurado após ser agredida e pisoteada pelo marido bêbado
CORONAVIRUS AVANÇA
Brasil tem 72.234 mortes por Covid-19, segundo consórcio de veículos da imprensa em boletim das 13h
BONITO - DICAS AGÊNCIA
Como fazer Snorkel em Bonito MS, o que ver, o que fazer e o que não!
PANDEMIA CORONAVIRUS
Filho de ex-jogador famoso vende geleias e não vê o pai há nove anos
SOB INVESTIGAÇÃO
Maria Aldenir lutou com assassino, mas viu a filha ser morta com 24 facadas
AVANÇO DA PANDEMIA
Mais 903 casos e 33 mortes por coronavírus foram registrados em 24h em MT
BRASIL - 71.515 MORTES
Brasil tem 1.842.127 casos de Covid-19, aponta consórcio de veículos da imprensa em boletim das 8h