Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 4 de agosto de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Preso confessa que ordenou pelo celular morte de mulher que o “corneou”

20 Set 2013 - 10h29Por Campo Grande News

Integrante da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), Everton Rodrigues, confessou, na manhã de hoje (20) no júri popular no Fórum da Capital, que ordenou, pelo telefone celular, a execução de Darlen Hellen de Souza Serrilho. Ele disse que ficou sabendo que ela o estava “corneando” e ordenou a execução.

Como estava preso no Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande, Everton contou, em depoimento na 2ª Vara do Tribunal do Júri, que tinha um caso com Darlen. Ele ficou sabendo que a mulher estava saindo com outro homem e decidiu se vingar.

Por meio de um “telefone celular coletivo”, que usado pelos demais presos da Máxima, ele contratou um homem identificado como “Barraca” para matar a mulher. Ele não reconheceu os outros dois acusados pelo crime, Tiago Jorge da Silva Figueiredo e José Valdir de Freitas. “Não conheço o Barraca, só falei com ele por telefone”, afirmou, na manhã desta sexta-feira.

A pedido do MPE (Ministério Público Estadual), o juiz Aluizio Pereira dos Santos, desmembrou o julgamento e os outros suspeitos de amarrar e matar a mulher a tiros na região do Aeroporto Santa Maria, em 16 de setembro do ano passado, vão a júri em outro dia.

O juiz perguntou para Everton se a traição não fosse verdadeira, como ele reagiria. “Ae, cometi um erro”, afirmou o presidiário.

A pena mínima de Everton, que já está preso na Capital, será de 12 a 30 anos de prisão, sem considerar as agravantes do homicídio doloso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE TRÁGICO
Vitimas do acidente na BR 177 são identificadas: 3 são da mesma familia
CORRUPÇÃO NA SAUDE
MP aponta 'vergonhosa fraude' e aciona prefeito a devolver R$ 4,136 milhões
BORA PRA BONITO - MS
O que é ecoturismo e porque Bonito, MS?
TRAGEDIA NA RODOVIA
Acidente com 22 veículos deixa 8 mortos e 20 feridos
PERDAS NA PANDEMIA
Morre 5º pastor da Assembleia de Deus vítima da covid-19
TRAGÉDIA NAS ESTRADAS
Motorista bêbado atinge carro e mata 4 adultos e uma criança
LIMPA NOME
Serasa lança nova campanha para limpar nome por apenas R$ 100
FÁTIMA DO SUL - LUTO
Morre Pe. Bonfilho, aos 93 anos, ele dedicou 25 anos da sua vida a comunidade de Fátima do Sul
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Ex-vice prefeito, filho e sogra morrem por covid-19 em três dias
CENA DE TERROR
Após ser curado da Covid-19 dentista mata enfermeira e comete suicidio