Menu
BANNER IMPRESSORAS
quinta, 11 de agosto de 2022
BANNER IMPRESSORAS
Busca
DOURADOS

Prefeitura inicia campanha de adequação das calçadas de Dourados

12 Jul 2010 - 06h15Por Fátima News com Assecom

A Prefeitura de Dourados iniciou na semana passada uma campanha de conscientização sobre a adequação das calçadas para facilitar a acessibilidade. A Semsur (Secretaria Municipal de Serviços Urbanos) está distribuindo folhetos educativos, além de fazer a divulgação na mídia para que as pessoas entendam e colaborem com a Lei de Acessibilidade.

Por enquanto é só uma campanha de conscientização, mas nos próximos dez dias a prefeitura vai começar a notificar os proprietários de dois mil imóveis da área central de Dourados, além dos imóveis em qualquer outro bairro da cidade que esteja em construção ou em reforma. A notificação cumpre exigência do Ministério Público.

Após a notificação, os proprietários terão pelo menos seis meses de prazo para adequar as calçadas conformes normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). O objetivo é melhorar a acessibilidade de deficientes físicos e idosos. As calçadas deverão ter rampas de acesso e piso tátil. Além disso, as calçadas ainda deverão ficar livres de placas, cadeiras e mesas.

De acordo com a arquiteta da Semsur Ana Rose Vieira, o prazo para adequação vai começar a valer a partir do momento em que o proprietário receber a notificação que está sendo preparada pela prefeitura. A exigência para adequação das calçadas partiu do MPE, em cumprimento à Lei de Acessibilidade. "O MPE também deu um prazo para a prefeitura notificar os moradores, caso contrário o município também pode sofrer sanções", lembra Ana Rose.

De acordo com a arquiteta, a reunião com o MPE aconteceu em janeiro deste ano, quando o órgão solicitou um cronograma de adequação à acessibilidade e a notificação dos proprietários de imóveis.

Nesta primeira etapa serão notificados os proprietários de imóveis localizados entre as ruas Floriano Peixoto e Ediberto Celestino de Oliveira e Joaquim Teixeira Alves e Oliveira Marques. Posteriormente serão atingidos outros bairros. A falta de cumprimento da exigência vai resultar em multa aos proprietários dos imóveis.

Leia Também

NOITE DE TERROR
Moradores relatam medo vivido em confronto com oito mortos
ACIDENTE DE TRABALHO FATAL
Trabalhador morre soterrado ao fazer limpeza em silo de grãos
AGRESSÃO NA ESCOLA
Mulher invade escola e espanca aluna a pauladas
COVID NO BRASIL
Covid-19: Brasil ultrapassa o número de 680 mil mortos pela doença
AUXÍLIO BRASIL AUXILIO POPULAÇÃO
Auxílio Brasil de R$ 600 e vale-gás saem hoje para mais um grupo
BRASIL + POBRE
Estudo mostra alta da pobreza em regiões metropolitanas
ESTERILIZAÇÃO
Senado aprova redução da idade mínima para realização de laqueadura
ASSUSTADOR
VÍDEO: Tromba d´água é registrada no Litoral e assusta moradores
TEMPESTADE
Temporal derruba teto de UTI covid em hospital e pacientes são transferidos às pressas
COVID NO BRASIL
Brasil registra 365 mortes e 30,2 mil casos de covid-19 em 24 horas