Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 23 de abril de 2021
Busca
Brasil

Prefeito de Coronel Sapucaia confiante sobre candidatura

30 Jun 2004 - 10h48
Depois de obter ontem no STF (Supremo Tribunal Federal) uma liminar que suspende o pedido de prisão determinado pela Justiça, o prefeito de Coronel Sapucaia, Eurico Mariano (PMDB), está certo de que seu nome vai ser homologado esta tarde como candidato da legenda para disputar a prefeitura da cidade, apesar da acusação de participação no assassinato do radialista paraguaio Samuel Róman, em abril deste ano.
Em entrevista ao Campo Grande News, ele afirmou que é inocente e atribuiu aos adversários políticos as denúncias contra ele, que envolvem também o assassinato de um homem no Paraguai, há dois meses. Sobre um eventual prejuízo eleitoral advindo da acusação de homicídio, o prefeito disse estar tranqüilo. “Vou reverter mostrando a verdade. A Justiça vai apontar isso”, declarou. “O eleitorado da minha cidade me conhece, sabe que eu não seria capaz disso”.
O prefeito afirma que a polícia se baseou em informações “maldosas” para aponta-lo como suspeito da execução de Román. Ainda segundo o prefeito, as investigações foram “estranhamente” direcionadas para o nome dele. Mariano cobrou investigações em outros casos policiais na região, entre eles o assassinato, em fevereiro, do fazendeiro João Alcaráz. “Até hoje, ninguém fez nada”.
Mariano vai tentar ser prefeito pela terceira vez em Coronel Sapucaia. Filiado ao PMDB há 30 anos, segundo contou, ele exerce cargos políticos desde que o município era apenas um distrito de Amambaí. O PMDB partido do prefeito pode se coligar na cidade com o PSDB PTB e, conforme o prefeito, está mantendo contatos também com o PFL e o PDT. O candidato a vice deve sair de uma dessas legendas.
 
CG News

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA EM CACHOEIRA
Mãe e filha morrem vítima de tromba d'gua em cachoeira; cunhado também morreu
ASSÉDIO À MENOR
Pastor é investigado após ser filmado beijando e oferecendo dinheiro a adolescente de 14 anos
UTRAPASSAGEM FATAL
Tio e sobrinho morrem "esmagados" por caminhão em rodovia
FATALIDADE
Bebê morre eletrocutado após morder fio de carregador de celular
AJUDA DO GPS
Após ficar 30h desaparecida, médica é encontrada em ribanceira com ajuda de GPS de celular
REVOLTANTE
A intérprete que descobriu na aula de Libras que pastor abusava de adolescente
BRASIL - 381.687 MORTES
Brasil passa de 380 mil mortes por Covid; mais de 3 mil delas foram registradas nas últimas 24 horas
BRUTALIDADE
Adolescente queimado por negar sexo com homens morre em hospital
VACINA RUSSA
Governador diz que consórcio vai adquirir 28 milhões da vacina Sputnik V
LUTO NA SAÚDE
Dias após perder os pais, médica de 36 anos morre de Covid-19