Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 27 de setembro de 2020
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Preços do café fino levaram alento às regiões produtoras

6 Jul 2010 - 15h56Por Globo Rural

Os bons preços do café fino trouxeram alento para as regiões produtoras. É o caso do cerrado mineiro, onde a colheita está um pouco atrasada.

No cafezal do seu João Batista Montanari, em Patrocínio, no cerrado mineiro, a colheita começou há cerca de duas semanas.

E ele só conseguiu retirar até agora perto de 20% da produção. No ano passado, ele já tinha feito o serviço em quase metade da lavoura.

“Nós tivemos que fazer uma colheita mais pré-liminar, mais o ponteiro do pé de café, para que a gente pudesse iniciar e ocupar o terreirão, que está vazio. O café está muito verde”, explicou seu João.

O seu João cultiva a variedade topázio, um cruzamento da variedade mundo novo com o catuaí amarelo.

É um café que produz uma bebida muito boa para a exportação. Só que este ano colheita ainda não deslanchou porque o clima não ajudou a maturação dos frutos.

“Teve uma concentração de chuvas num período pequeno e diminuição nos meses seguintes, de janeiro, fevereiro. Então, isso deu uma diferenciação bem desuniforme da florada.

A gente pode ver nos pés frutos muito verde, com pouco cereja e com um seco também nos ponteiros”, explicou a agrônoma Elisa Veronezi.

Para evitar colher mais frutos verdes, o produtor precisou fazer ajustes na colheitadeira. Marcelo Montanari trabalha com o pai. “Houve a necessidade de se retirar as varetas da parte interior da colhedeira.

Depois, teve de fazer um ajuste diminuindo a vibração da máquina, aumentar a velocidade de trabalho e soltar os freios”, contou.

Com esse ajuste, a porcentagem de grãos verdes pôde ser reduzida de 20% para apenas 8%.

O custo aumentará um pouco porque será necessário passar duas vezes a máquina no cafezal. Mesmo com essas dificuldades, o seu João está sorridente.

“A gente está animado por que o preço nosso de custo está mais o menos baseado em R$ 260 por saca.

O preço que estamos alcançando hoje, com esse aumento, é de R$ 310. Está ótimo. Em vista do preço que a gente estava vendendo antes, está ótimo”, avaliou seu João.

De um mês para cá, o preço médio do café subiu perto de 20%. Segundo as cooperativas, isso tem a ver principalmente com a redução dos estoques no mercado interno.

“Em relação ao ano passado, nós estamos com um estoque 70% menor. No ano passado, nós estávamos com 180 mil sacas. Hoje, nós estamos com pouco mais de 60 mil sacas.

Mas isso não é só uma realidade da nossa região do cerrado. Isso é realidade em quase todos os armazéns do Brasil.

A safra está demorando a chegar. O mercado esperava que a safra adiantasse, mas ela demorou.

Outra coisa é que os produtores já estão colhendo e vendendo, aproveitando essa alta do momento”, esclareceu o Joel de Souza, gerente da Expocaccer.

No Espírito Santo, a colheita do café conilon caminha pra etapa final. Já foi concluída em 80% das lavouras.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Motorista registrou a travessia de uma jiboia na avenida Ayrton Senna, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. FORA DO HABITAT
VÍDEO: motorista flagra jiboia cruzando pista de avenida no RJ: 'olha isso'
Só queria que me entendessem sem preconceito! PRECONCEITO
Jovem é expulso de casa ao assumir namoro com mulher trans
Yan e um comparsa renderam mãe e filha na rua CRIMINOSO
Bandido morto pela PM arrancou família de carro e agrediu mulher uma semana antes
O diesel não sofreu reajuste. + ALTA
Gasolina sobe 4% nas refinarias, anuncia Petrobras
O total de mortes causadas por covid-19 chega a 138.108, um acréscimo de 0,6% sobre a soma de segunda Saúde
Covid-19: Brasil tem 33,5 mil novos casos e 836 mortes em 24 horas
HERANÇA PORTUGUESA
A herança portuguesa na vida cotidiana do Brasil
Os beneficiários nascidos em janeiro  3,9 milhões de pessoas  poderão sacar AJUDA FINANCEIRA
Caixa paga nova parcela do auxílio emergencial para 5,6 milhões de pessoas
o maior programa de assistência aos mais pobres no Brasil e talvez um dos maiores do mundo PRESIDENTE NA ONU
Bolsonaro diz que brasileiros receberam mil dólares de auxílio
Imagem: Reprodução/Balanço Geral Londrina FUGA EM MASSA
Presos fogem de cadeia após surto de Covid-19
Material estava dentro de uma bexiga e enrolado com fita isolante PROFUNDEZAS DO CRIME
8 celulares e outros materiais são retirados do ânus de preso