Menu
SADER_FULL
domingo, 24 de outubro de 2021
Busca
Brasil

Preço mínimo da Varig cai para cerca de R$ 58 milhões

11 Jul 2006 - 08h21
O administrador judicial da Varig, Luiz Alberto Fiore, da consultoria Deloitte, revelou no final da noite de ontem (10) que o preço mínimo para a companhia aérea, fixado na proposta da VarigLog, ficou em US$ 24 milhões (cerca de R$ 52 milhões). Ele esclareceu que a diferença para o valor de R$ 277 milhões, sugerido anteriormente, ficou como “obrigação acessória do comprador de prover uma receita à empresa que fica, que é a Varig antiga, não como preço mínimo". 

O mesmo ocorre em relação às debêntures, que serviriam para abater parte da dívida da Varig com o fundo de pensão Aerus e aos empregados. Elas foram retiradas do preço mínimo e colocadas como obrigação acessória do comprador na remuneração de R$ 50 milhões resgatados em 10 anos, com rendimento anual de R$ 4,2 milhões anuais.

Foi aberta também a oportunidade de o comprador ter a opção de resgatar essa debênture antecipadamente, à vista, pelo valor descontado e sugerido pela Deloitte de R$ 41,68 milhões para cada lote de credores (fundo de pensão Aerus e trabalhadores, respectivamente). Essa opção de resgate seria exercida logo após a homologação do leilão, explicou Fiore.

Nessa alternativa de resgate antecipado, o credor não tem direito a uma remuneração fixa anual. “Essa foi uma opção colocada como uma forma de o comprador poder resgatar antecipadamente e gerar um fluxo de caixa já nos primeiros dias para a empresa [a Varig velha] que permanece em recuperação”, disse o sócio da Deloitte.

Luiz Alberto Fiore informou que na petição apresentada pela VarigLog houve uma alteração do relatório feito pela Deloitte na última semana: passou a incluir como propriedade da Varig todos os ativos imóveis. Foi feito também esclarecimento sobre o ativo circulante. “Dessa forma, com a inclusão dos imóveis mais o preço mínimo, o valor da proposta da VarigLog ultrapassa o valor previsto para a liquidação da Varig. Ou seja, ela passa a ser mais vantajosa do que um processo de liquidação”, frisou.

O comprador terá também a obrigação de gerar receita de fretamento de R$ 15 milhões no período de três anos ou receita de treinamento de R$ 10 milhões, no prazo de dez anos. Fiore confirmou que os US$ 24 milhões aceitos como preço mínimo pela Varig equivalem ao dinheiro que vem sendo depositado diariamente pela VarigLog para fluxo de caixa da Varig, acrescido de um premio de 20%.

Caso o arrematante do leilão não seja a VarigLog, ele terá de depositar os US$ 24 milhões antecipadamente, cumprir todas as obrigações previstas para o comprador, além de  pagar um valor maior que o mínimo sugerido, advertiu o administrador judicial. Fiore afirmou que ajustes efetuados na proposta pela VarigLog objetivam torná-la “aparentemente uma proposta mais vantajosa do que o processo de falência”.

 

 

Agência Brasil

Leia Também

LIÇÕES DA BÍBLIA
Circuncidem seu coração
OLIMPÍADA 2024
Atletas de MS terão bolsas de até R$ 7 mil para competir nos jogos olímpicos
LIÇÕES DA BÍBLIA
Estudo adicional
VOLTOU A SUBIR
Covid-19: Brasil registra 15.609 casos e 373 mortes em 24 horas
ESTAVA DESAPARECIDO
Corpo de pescador é encontrado dentro de jacaré
LIÇÕES DA BÍBLIA
O principal mandamento
BAIXARAM A GUARDA
Covid-19: Brasil registra 390 mortes e 12,9 mil casos em 24 horas
LIÇÕES DA BÍBLIA
Se me amam, guardarão os Meus mandamentos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Funtrab está com 655 vagas para indígenas interessados em trabalhar em lavouras de maçã em SC e RS
ALERTA TEMPORAIS
Chance de Tempestades (La Ninã) no final do ano é de 87%, aponta atualização do NOAA